Q

Previsão do tempo

13° C
  • Friday 17° C
  • Saturday 13° C
  • Sunday 16° C
13° C
  • Friday 17° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 16° C
13° C
  • Friday 17° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 17° C

ACCCRO homenageou sete empresas caldenses na gala de aniversário

Mariana Martinho

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Sete empresas caldenses foram homenageadas no passado sábado no âmbito da Gala Empresarial da ACCCRO – Associação Empresarial das Caldas da Rainha e Oeste, que reuniu cerca de 170 pessoas num jantar de comemoração dos 116 anos da associação, no restaurante A Lareira. Além das cinco empresas prestigiadas pela sua antiguidade, também foi entregue o Prémio Projeto à Sportino e o Prémio Inovação ao Maratona - Restaurante, Café e Bar, que pertence à firma Vale & Costa, Lda.
Equipa da ACCCRO

Num ambiente de emoção e de simbolismo, a ACCCRO comemorou mais um aniversário daquela que é atualmente a décima associação empresarial com mais anos de existência em Portugal, num universo de mais de 500 associações empresariais. Fundada a 12 de novembro de 1902, por um grupo de quarenta e cinco cidadãos, que se reuniram no Hotel da Copa para aprovar os estatutos, sendo no ano seguinte inaugurada a sua sede, “hoje é a única da região Oeste que consegue viver dos seus cofres e uma das poucas no país que não precisa de recorrer a negócios e patrocínios de ninguém”.

Mas os116 anos de vida da associação comercial também se devem à “excelência das empresas com décadas de trabalho, à nova geração de empresários, que criaram novos conceitos na cidade, e ainda aos associados”, sublinhou Paulo Agostinho, presidente da associação desde 2013.

Atualmente a ACCCRO, promotora do desenvolvimento empresarial e económico, e que tem por missão promover, apoiar, representar e defender os interesses das empresas suas associadas, conta com “mais de 700 associados com quotas em dia”. Paulo Agostinho destacou o “intenso envolvimento da equipa e de parceiros”.

Em relação à iluminação de Natal das Caldas, que será inaugurada no próximo sábado com um espetáculo junto à árvore de Natal gigante de 33 metros, “este ano não correu muito bem”. Contudo, Paulo Agostinho sublinhou que “será uma das maiores e também uma das primeiras a ser inaugurada no país”.

Já o presidente da Câmara Municipal, Tinta Ferreira manifestou a satisfação pela iniciativa levada a cabo pela ACCCRO, pois “mostra que o nosso tecido empresarial está vivo e forte”. Destacou também a resiliência das empresas caldenses, que “apesar de viverem momentos bons e outros de maior dificuldade, o que é facto é que caracterizam o contexto comercial do nosso concelho”.

Além disso referiu que o setor empresarial das Caldas mostra que “é possível crescer e inovar, tornando-se cada vez mais forte”. As empresas destacam-se pela “atratividade comercial efetivamente forte, que faz com que milhares de pessoas continuem a vir à nossa cidade fazer compras”.

Nesse sentido, o autarca referiu que “o vosso trabalho com a nossa envolvência e com a nossa disponibilidade e investimento, seguramente conseguiremos fazer com que a nossa cidade continue a ser atrativa para quem nos visita”.

Em relação às iluminações de natal, Tinta Ferreira explicou que este ano a iniciativa “obrigou a um esforço financeiro superior por parte do município”. Como tal, o projeto terá um aumento de custo de 40 mil euros, em relação ao ano passado, que foi 96 mil euros. “Não podíamos correr o risco de não ter a dinâmica que resulta do natal e do contexto comercial da cidade”, frisou o autarca, que aproveitou para destacar outro dos projetos que estão previstos para a cidade, “Lojas com História”.

Empresashomenageadas

A noite ficou marcada pela entrega das homenagens a algumas “casas com grande tradição” na cidade. Este ano mereceram distinção cinco empresas.

Um dessas empresas é um dos cafés mais antigos das Caldas da Rainha e o primeiro do Bairro da Ponte, o Café Bordalo, que já vai na terceira geração. Situado no Largo Frederico Ferreira Pinto Basto, este espaço foi uma barbearia e uma taberna, e em 1945 Diamantino Couto e Ema Leal transformaram-no em café, que ainda hoje perdura na cidade.

Outra dessas empresas foi a loja centenária “José Ribeiro & Filhos, Lda”, instalada na Praça da Fruta. Uma das lojas mais antigas de tecidos, artigos de retrosaria e roupa interior, que continua igual a si própria, pelas mãos do atual proprietário, Rogério Ribeiro, que assumiu a gestão do estabelecimento em conjunto com a sua irmã Céu Ribeiro, com apenas 17 anos.

O restaurante Mimosa, situado na Praça 5 de Outubro, dirigido por Deonilde Azenha e o seu marido Francisco Almeida, foi outro dos estabelecimentos mais emblemáticos da cidade homenageado com o prémio.

Com sede em Caldas da Rainha, a Amaro da Silva, Lda é hoje uma empresa de referência e líder na instalação e manutenção de equipamentos de frio industrial. Esta empresa, que na década de 80 chegou a ter 80 funcionários, e que hoje conta com 14, foi outras homenageadas.

Nesta categoria também foi destacada a loja Zelu Noivas, que surgiu pelas mãos do casal Maria da Lurdes Ferreira e José Maria Agostinho, em maio de 1968. Após a morte do marido, Maria de Lurdes continuou o projeto, que apoiado pela criatividade de Susana Agostinho e pela gestão inovadora de Paulo Agostinho, “tem sido exemplo de um comércio que nos orgulha”.

A ACCCRO também distinguiu o Maratona- Restaurante, Café e Bar, que pertence à firma “Vale & Costa, Lda”, com atribuição do Premio Inovação. Este café histórico, com mais de 50 anos, é segundo a ACCCRO, “não só um café mas também um restaurante que se adaptou as circunstâncias e às exigências do público, com novos conceitos e iniciativas arrojadas”.

Mais recente é a empresa Sportino, que abriu a primeira loja em 1982, no Bombarral, e que atualmente conta com 14 espaços espalhados pelo país. Este projeto familiar, que se destacou na moda desportiva, sendo representante de dezenas de marcas, é uma “empresa que não tem medo do risco” e que por isso mereceu por parte da ACCCRO o Prémio Projeto.

Além do diploma de reconhecimento e agradecimento, os empresários receberam uma medalha em cerâmica.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Iluminação natalícia desaba

O mau tempo terá estado na origem da queda de postes de iluminação natalícia nas Caldas da Rainha, na noite desta quarta-feira. Um carro sofreu danos assim como os vidros de um prédio.

20221208 001341