Q

Previsão do tempo

22° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 24° C
21° C
  • Saturday 22° C
  • Sunday 24° C
  • Monday 24° C
21° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 25° C
  • Monday 26° C

Exposição “Sete Livros sobre a Natureza de uma Árvore”

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A exposição “Sete Livros sobre a Natureza de uma Árvore”, de Volker Schnüttgen, vai ser inaugurada no Espaço da Concas, nas Caldas da Rainha, no próximo dia 21, às 18h00.

Volker Schnüttgen nasceu em Attendorn, na Alemanha. Em 1982, inicia os seus estudos de escultura e gravura na Universidade de Artes de Bremen que termina em 1989 com a licenciatura. Desde 1986 participa em exposições e concursos públicos internacionais. Em 1992, obtém uma Bolsa do Ministério Português dos Negócios Estrangeiros. Desde 1993 vive e trabalha permanentemente em Sintra. Recebeu em 1999 o Prémio de Cultura do Concelho de Olpe, na Alemanha. Em 2004 ganha uma bolsa da Fundação Calouste Gulbenkian para um curso de formação de novas tecnologias em Berlim. Em 2008 conclui o Mestrado de Arte Multimédia na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. De 2010 a 2016 foi docente no ramo de escultura na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto.

Tem realizado exposições em vários países e está representado com mais de trinta obras no espaço público em Portugal e no estrangeiro.

O convite ao escultor Volker Schnüttgen para realizar uma residência artística no Centro de Artes das Caldas da Rainha enquadra-se no desejo de ver renascer em forma de obras de arte as árvores tombadas no Parque D. Carlos I e no jardim do Centro de Artes aquando do temporal de 19 de Janeiro de 2013.

O apreço pela sua escultura vinha já da sua participação no XII Simppetra – Simpósio Internacional de Escultura em Pedra das Caldas da Rainha, em 2008, onde realizou a obra “Light Cube”, em mármore de Vila-Viçosa e que está atualmente implantada na Rua Leão Azedo.

“Tive oportunidade de conhecer algumas esculturas realizadas em madeira, material em que apesar da continuidade com uma linguagem formal próxima das suas esculturas em pedra, anunciava algumas mudanças que a distanciavam um pouco da depuração de formas quase minimalista que até aí dominavam. Esta é uma exposição que apresenta obras anteriormente realizadas e peças criadas no contexto da residência”, relata José Antunes, diretor do Centro de Artes.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Obras arrancam em setembro no Centro de Saúde de Óbidos

Foi assinado no dia 10 de agosto, no Centro de Saúde de Óbidos, o auto de consignação da requalificação da unidade de saúde. Trata-se de um investimento de 473.991,83€ (acrescido do valor do IVA) e com um prazo de construção de dez meses. A cerimónia contou com a presença do executivo municipal de Óbidos, do diretor executivo do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Oeste Norte, João Gomes, e de João Soares, gerente da Sunever Engenharia, Lda, empresa que vai realizar a obra.

centro

Nadadouro com nove dias de animação

De 29 de julho a 6 de agosto realizou-se no Nadadouro, nas Caldas da Rainha, a festa em honra de Nossa Senhora do Bom Sucesso, habitualmente uma das iniciativas mais concorridas fora da sede do concelho.

animacao

Lavadouro embelezado

A Junta de Freguesia do Nadadouro requalificou o lavadouro, construído em 1980, e transformou-o num verdadeiro tributo às lavadeiras da localidade.

lavadouro