Q

Previsão do tempo

13° C
  • Saturday 11° C
  • Sunday 9° C
  • Monday 10° C
12° C
  • Saturday 11° C
  • Sunday 9° C
  • Monday 10° C
13° C
  • Saturday 11° C
  • Sunday 9° C
  • Monday 10° C

Lançamento da marca amiga do ambiente I Love Baleal

Marlene Sousa

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Amiga do ambiente, a marca “I Love Baleal” e inspirada também na “maravilhosa praia de areia dourada de Peniche” coloca no mercado produtos como mochilas, sacos para a praia, artigos de apoio ao surf, porta-chaves, bonés, t-shirts orgânicas, entre outros.
Susana Santos (designer gráfica) e João Escada (web developer) são os responsáveis pela marca I Love Baleal

A proposta inovadora que visa chegar aosportugueses e turistas estrangeiros nasceu com o intuito de “preservar e de contribuir para a sustentabilidade de um lugar único, o Baleal”.

A marca foi apresentada no passado dia 20, num sunset party que teve lugar no Café Bar The Base, no Baleal, ao ritmo da música e boa energia de Fá de Samba (Joana Rodrigues e Duarte Dias).

João Escada (web developer) e Susana Santos (designer gráfica), que trabalham na empresa Óbidos Criativa, são os responsáveis pela criação dos novos produtos que são “amigos do ambiente, orgânicos, naturais, recicláveis e reciclados por artistas locais, contribuindo também para a economia do Baleal”. “Temos como objetivo ter a comunidade a trabalhar connosco numa estratégia baseada na economia circular, assente na redução, reutilização, recuperação e reciclagem de materiais”, disse João Escada.

O responsável explicou ao JORNAL DAS CALDAS que “I love Baleal vem na sequência de uma estratégia definida em 2012 e este ano com a entrada da designer gráfica no projeto definiram o conceito, com base na “sustentabilidade, preservação do meio ambiente, reciclagem e reutilização de várias matérias primas para criar as peças”.

A aposta é num produto que gere uma alternativa ecológica e em simultâneo “é um projeto de partilha que envolve a comunidade local”. Por exemplo, nas mochilas, malas e sacos de praia, confecionados com “material, roupa e calças de ganga que já não são usados”, segundo João Escada, vai ser recuperada “uma profissão bastante antiga de costureira”. “Temos Natália Passarinho que é da região a trabalhar connosco e é também uma forma de sustentação de um negócio de família”, explicou. Englobaram a costureira no projeto, onde deram as suas ideias e deixaram depois alguma “liberdade e criatividade ao seu talento”.

“Fizemos um apelo no Facebook para nos darem gangas e tecidos, a costureira faz as malas e mochilas com esses materiais”, explicou Susana Santos. “O resultado não poderia ter sido melhor, os sacos de praia estão fabulosos”, sublinhou a designer, adiantando que “os produtos da I Love Baleal vão começar a verem-se na praia”.

Há também porta chaves feitos com sobras da madeira usada em pranchas de surf feitas por José Antunes. “Para cada prancha vendida ele planta cerca de vinte árvores, portanto, fez todo o sentido integrá-lo neste projeto, onde reutilizamos a madeira que ele já não necessita quando está a fazer as pranchas”.

No sentido de reduzir a dependência do plástico descartável, João Escada e Susana Santos criaram porta-chaves com uma colher de café. “Com este utensilio não precisam de utilizar a palheta de plástico que é utilizada em alguma restauração para mexer o café”, explicou a designer gráfica, acrescentando que “são necessários passos consistentes no sentido de alterar os padrões de consumo e de reduzir drasticamente a produção e o consumo de plástico”.

Dos seus artigos faz parte ainda um tapete de praia para trocar o fato de surf ou para colocar acessórios de praia. Uma peçaúnica, feita à mão com tecidos reciclados.

“Trabalhamos com artistas locais para que possam mostrar as suas artes (fotografia, pintura, artes manuais, entre ouros), referiu ainda João Escada, sublinhando que “para as t-shirts orgânicas feitas com malha portuguesa 100% algodão, escolhermos para iniciar a primeira coleção o fotógrafo Daniel Espírito Santo, que reside no Baleal”. “O objetivo é trabalhar com vários fotógrafos da zona e ter coleções novas com ideias criativas e diferenciadoras”, acrescentou.

Os bonés são 100% algodão e ao adquirir um produto que não é totalmente orgânico nós fazemos um donativo às associações Mar Meu ou Peniche Beach Conservation, que fazem a limpeza da praia e dos oceanos.

João Escada e Susana Santos, que vendem os produtos online (ilovebaleal.com), pretendem lançar todos os meses “novas peças com novas ideias”.

Estão também em conversação com alguma restauração e lojas no Baleal e também em outros locais da região para venderem os artigos com o objetivo de “chegar aos turistas e visitantes”. “Vamos fazer várias parcerias para promover a marca e em simultâneo sensibilizar para a sustentabilidade, meio ambiente, reciclagem e reutilização de várias matérias primas”, referiram os responsáveis do projeto I Love Baleal, que desenvolvem produtos “economicamente viáveis e ecologicamente eficientes”.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Suspeitos de pesca ilegal fogem à GNR

O Subdestacamento de Controlo Costeiro da Nazaré da GNR apreendeu seis quilos de meixão naquele concelho, no passado dia 24, no âmbito de uma ação de fiscalização levada a cabo com o objetivo de combater a captura ilegal de enguia europeia, vulgarmente conhecida...

meixao 1

Infantis de Óbidos em bom plano

A equipa de infantis do clube Óbidos Criativa competiu, no passado dia 21 na XXX Taça Vale do Tejo, nas piscinas municipais de Alcobaça. Mara Cotrim, Leonor Martins, Leonor Silva, Justin Borges, Tiago Correia e Pedro Capinha foram os jovens que nadaram com as cores...

infantis 2

Óbidos Cycling Team quer ser referência em sub-23

Nasceu a Óbidos Cycling Team sob a égide do Município de Óbidos, concretizando o sonho do diretor e manager da equipa, Micael Isidoro, ex-ciclista profissional licenciado em treino desportivo com especialização na área do ciclismo, pós-graduação e mestrado em alto...

cycling