Q

Previsão do tempo

13° C
  • Friday 15° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 16° C
13° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 18° C
14° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 18° C

Rugby – 8ª Jornada CN2 Seniores

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Caldas RC vence em Guimarães e comanda isolado
Equipa caldense

Alinharam pelo Caldas RC: Alexandre Vieira (1E), Bruno Silva (1E), Cristiano Manuel, Diogo Vasconcelos, Dorin Plameadala, Duarte Jasmins, Filipe Gil, Gonçalo Sampaio, Leonardo Ferreira, Luis Gaspar, Ricardo Marques (Cap.), Rui Santos, Salvador Cambournac, Sebastião Vasconcelos, Tiago Santos, Tomás Jacinto (1E), Tomás Lamboglia (2T, 3 P), Tomás Melo.

Treinador: Patrício Lamboglia; Diretores de Equipa: Adelino Jacinto e António Ferreira Marques; Fisioterapeuta: Rodrigo Santos/Physioclem

Oito dias depois da derrota, indiscutível, contra o mesmo adversário, em casa, para a Taça de Portugal, o Caldas RC apresentava-se na cidade berço com a responsabilidade de comandar a tabela classificativa, ainda que ex-aqueo, sabendo que uma vitória lhe permitiria liderar o CN2 isolado.

O Caldas apresentava-se com algumas baixas, frutos de lesões do jogo da Taça e impedimentos de última hora, por razões profissionais, mas com quatro dos elementos nucleares e que não tinham estado disponíveis para o jogo anterior. Mesmo assim, com um plantel muito reduzido, só três suplentes no banco.

O Guimarães apresentou-se completo e motivado pela vitória anterior.

Aos 5 minutos uma penalidade foi tentada aos postes e convertida pelo pontapé certeiro de Tommy Lamboglia. O chutador pelicano esteve superior ao chutador adversário nesta partida e daí talvez a diferença final.

Aos 15 minutos os bravos jogaram o seu rugby típico, avançados poderosos a romper pelo centro, trocas de bola muito rápidas apenas paradas por uma penalidade cometida nos cinco metros. Jogada a touche, conquista limpa, moule e ensaio, não transformado.

1º Quarto: Guimarães RUFC – 5 / Caldas RC – 3.

Reagruparam-se os Pelicanos e fizeram vinte minutos de muito bom nível.

Aos 24 minutos, após conquista imperial num alinhamento nos cinco metros um, “moule” terminou com toque de meta do pilar pelicano Bruno “Pantera” Silva. A transformação não resultou.

O Caldas manteve a sua toada, acelerou o jogo e chegou a novo toque de meta à meia-hora. Jogada de compêndio, conquista na formação ordenada, pontapé magnífico de Tommy Lamboglia a solicitar o ponta, e, o ainda sub18 Alex Vieira, a corresponder, captando no ar, entrando rápido e só parando entre os postes. Conversão fácil pelo abertura caldense.

Aos 37 minutos e após conquista na formação ordenada dos bravos, os pelicanos beneficiaram de penalidade, concretizada por Tommy Lamboglia.

Ao intervalo: Guimarães RUFC – 5 (1 E) / Caldas RC – 18 (2 E, 1 T, 2 P).

Refrescando a equipa, o Guimarães entrou decidido. Aos 42 minutos, uma jogada poderosa de penetração pelo centro terminou com ensaio. A transformação não surtiu efeito.

Contudo, aos 51 minutos e após várias fases em cima da linha de ensaio do Guimarães, a oval foi jogada rápida pelo centro Tomás Jacinto para um ensaio de fino recorte. Transformação impecável de Tommy Lamboglia.

Continuou o Caldas e aos 54 minutos após nova jogada a solicitar os centros, apenas travada em falta, a penalidade foi concretizada com precisão pelo inevitável Tommy Lamboglia. Guimarães RUFC – 10 / Caldas RC – 28.

Os bravos foram com tudo para cima dos pelicanos. Aos 60 minutos montaram várias fases à mão que não foram contrariadas, resultando no terceiro ensaio do Guimarães, mais uma vez não transformado.

3º Quarto: Guimarães RUFC – 15 / Caldas RC – 28.

Os últimos vinte minutos foram de luta intensa. Aos 69 minutos o Guimarães chegou a novo toque de meta, este transformado.

Resultado Final: Guimarães RUFC – 22 (4 E,1 T) / Caldas RC – 28 (3 E, 2 T, 3 P).

Vitória que se aceita do Caldas RC, que revelou uma maior capacidade técnica. Os pelicanos colocam-se na liderança, isolados, do CN2.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Mulher morre atropelada por carro

Um atropelamento ocorrido nesta quinta-feira, às 20h50, na reta do Alto do Veríssimo, em Atouguia da Baleia, no concelho de Peniche, provocou uma vítima mortal e um ferido grave, ambos na casa dos 60 anos.

estrada

Festival das Sopas ajuda jovens

O I Festival das Sopas vai realizar-se no Centro Paroquial de Salir de Matos, nas Caldas da Rainha, no dia 18 de dezembro,pelas 13h. O evento contará com sopa da pedra, sopa de peixe, sopa de legumes e canja. Também haverá petiscos, filhós, café da avó...

Idosos com festa de natal no Nadadouro

Os utentes do cartão municipal do idoso nas Caldas da Rainha têm uma festa de natal no dia 15 de dezembro, pelas 12h, naAssociação Cultural e Recreativa do Nadadouro. As inscrições são obrigatórias até dia 12, na junta de freguesia da área de residência ou ao...