Q

Previsão do tempo

20° C
  • Thursday 24° C
  • Friday 31° C
  • Saturday 28° C
20° C
  • Thursday 25° C
  • Friday 32° C
  • Saturday 29° C
21° C
  • Thursday 27° C
  • Friday 36° C
  • Saturday 33° C

Vereadores do PS criticam prestação de contas da Câmara

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Os vereadores do Partido Socialista apreciaram os documentos de prestação de contas da Câmara Municipal das Caldas da Rainha em 2016 e manifestaram que os resultados líquidos do exercício culminaram num valor negativo de € 57.584,78, a dívida real da câmara aos bancos é de 3,184 milhões de euros e existem 916 mil euros nas contas à ordem.

“Confirma-se que a despesa global estimada e a despesa global paga apresentam uma discrepância de cerca de 18,35% (5,3 milhões de euros), o que revela uma disparidade excessiva entre o orçamento apresentado no início do ano e o resultado global”, apontaram.

Para os autarcas do PS, “o executivo PSD não consegue apresentar um orçamento que consiga executar”. “Chegar ao fim do exercício financeiro com uma disparidade gritante entre previsão e execução é iludir os munícipes com obras e encargos que se sabe de antemão que não serão executados”, argumentaram.

“Esta displicência financeira revela uma clara incapacidade de resposta por parte do executivo que, obstinadamente, continua a considerar que este município se governa com três pessoas”, lamentaram.

O Orçamento participativo “apresenta-se uma execução de 50.25%, facto que, somado à convocação bienal deste instrumento de cidadania, é bem revelador da falta de prioridade que lhe foi concedida durante o ano de 2016”.

“Como podemos nós aceitar que tudo quanto diz respeito à promoção do empreendedorismo se cinja ao subsídio prestado à Associação para o Desenvolvimento Industrial do Oeste e ao mesmo tempo queixarmo-nos de que as empresas não querem fixar-se nas Caldas da Rainha?”, questionaram ainda.

Os socialistas acusam o executivo camarário de “falta de dinâmica, ausência de ideias e falência generalizada da sua capacidade de trazer para as Caldas da Rainha um importe de energia e de projetos consistentes que a consigam afirmar como capital de alguma coisa”.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Vereador contra “duplicação de subsídios”

O vereador do PS na Câmara Municipal das Caldas da Rainha está contra a atribuição de verbas à ADIO – Associação para o Desenvolvimento Industrial do Oeste para fazer face a despesas com eventos na Expoeste, alegando que “já beneficia de uma comparticipação...

Recriação histórica e noite de fados

No passado dia 6 realizou-se uma recriação histórica e noite de fados, tendo como cenário os lavadouros da freguesia do Vau, no concelho de Óbidos. A recriação histórica ficou a cargo do Rancho Folclórico e Etnográfico Estrelas do Arnóia, da Sancheira Grande,...

vau