Q

Previsão do tempo

22° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 25° C
  • Friday 32° C
22° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 25° C
  • Friday 33° C
23° C
  • Wednesday 23° C
  • Thursday 27° C
  • Friday 36° C

Loja do Cidadão nas Caldas em 2018 ou 2019

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Uma resolução do Conselho de Ministros publicada esta semana, que fixa regras de gestão relativas às Lojas e Espaços do Cidadão, revela a intenção do Governo de alargar a rede de Lojas do Cidadão, instalando uma delas nas Caldas da Rainha em 2018 ou 2019.

“A Loja do Cidadão é um modelo integrado de prestação de serviços presenciais, que proporciona aos cidadãos um atendimento mais cómodo, concentrando diversos balcões de atendimento de entidades públicas, da administração central e local, e de entidades privadas”, descreve a resolução, que no que diz respeito aos Espaços do Cidadão explica que “complementam a rede de atendimento de serviços públicos, concentrando num único balcão diferentes serviços, através de atendimento digital assistido”. “Alarga-se, desse modo, o número de beneficiários de serviços públicos digitais, beneficiando igualmente da proximidade aos serviços tendo em conta que a maioria destes espaços é instalada em colaboração com as freguesias”, adianta.

A resolução visa tornar claras as condições para a instalação de novas Lojas e Espaços do Cidadão, no período de execução do programa Portugal 2020, divulgando a lista de Lojas e Espaços do Cidadão onde as referidas condições já se encontram reunidas, e que deverão ser instalados nos próximos três anos.

A instalação de qualquer Loja do Cidadão deve integrar, pelo menos, dois dos seguintes serviços públicos: Serviços da Segurança Social, Serviços da Autoridade Tributária e Aduaneira, e Serviços do Instituto dos Registos e Notariado.

Devem ser criados espaços que permitam o atendimento ocasional por serviços públicos não sedeados na Loja.

A instalação de novas Lojas do Cidadão passará a ser da iniciativa dos municípios, aos quais caberá posteriormente a sua gestão.

As entidades que a integram devem assumir um encargo mensal correspondente a serviços de higiene e limpeza, serviços de segurança, serviços essenciais, comunicações e utilização do espaço.

A instalação e gestão dos Espaços do Cidadão podem ser feitas pelas freguesias.

Entre as Lojas do Cidadão com instalação prevista em 2018 e 2019 contam-se as de Bombarral, Cadaval, Óbidos e Caldas da Rainha.

Nas Caldas da Rainha existe já um Espaço do Cidadão a funcionar no edifício da Câmara Municipal, junto à portaria, e o horário de atendimento é das 9h às 13h30 e das 14h às 15h. Ali é possível tratar de assuntos relacionados com a ADSE – Assistência na Doença aos Servidores Civis do Estado, obtenção do registo criminal se não houver ocorrências, assuntos relacionados com a carta de condução, certidões de nascimento, casamento e óbito.

Devido ao facto de existir uma loja da EDP no município de Caldas da Rainha este serviço não se encontra disponível no Espaço do Cidadão.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Macroalga da costa de Peniche pode retardar envelhecimento da pele

Os extratos enriquecidos em florotaninos e outros componentes obtidos a partir de uma macroalga recolhida na costa de Peniche apresentam um marcado efeito inibidor sobre as enzimas colagenase e elastase, responsáveis pela degradação da matriz da pele e diretamente relacionadas com o processo de envelhecimento cutâneo, aponta uma investigação levada a cabo por uma equipa do MARE - Centro de Ciências do Mar e do Ambiente do Politécnico de Leiria. A investigação originou um pedido de patente, que foi agora aprovada pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial.

alga

Secretário-geral do PSD foi à Expotur apoiar o partido local

O secretário-geral do PSD, Hugo Soares, esteve na passada quinta-feira na Expotur - Festa de Verão, em Caldas da Rainha,onde sublinhou que “viemos dar o nosso apoio ao PSD de Caldas da Rainha”, adiantando que “recuperar esta CâmaraMunicipal para o partido é também...

hugo soares

Aluno da ESAD.CR quer promover música da região no Brasil

Marcelo Domingues, aluno de Gestão Cultural na Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha, está desenvolver um projeto para o mestrado, procurando mapear a cena musical em todo distrito de Leiria, com o objetivo de conectar e exportar a música desta região internacionalmente, em especial para o Brasil. 

rimel