Q

Previsão do tempo

12° C
  • Tuesday 12° C
  • Wednesday 9° C
  • Thursday 14° C
12° C
  • Tuesday 12° C
  • Wednesday 9° C
  • Thursday 14° C
12° C
  • Tuesday 12° C
  • Wednesday 8° C
  • Thursday 14° C
Projeto Raízes da Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste

Laranja junta-se ao Vinho do Porto em experiência gastronómica

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Com o início do ano letivo 2016/2017 da Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste (EHTO), surgem novos desafios e novos projetos. A escola, que comemora este ano o seu 10º aniversário, está mais aberta à comunidade, funcionando como um parceiro de produção de serviços turísticos.
“Raízes” é um dos projetos com os finalistas dos cursos de “Técnicas de Cozinha/Pastelaria” e “Técnicas de Serviço de Restauração e Bebidas”

Daniel Pinto, diretor da EHTO, destaca que os 250 alunos vão ter um “reforço da interdisciplinaridade entre as diversas disciplinas que são lecionadas em cada um dos cursos que a escola oferece”. O responsável salienta a importância do turismo no país e particularmente na região Oeste, evidenciando que a escola responde a uma necessidade de “recursos qualificados no sector, pelo que prevê a necessidade de ter novos projetos que os prepararem para os desafios do futuro”.

Os menus temáticos vão continuar com o “objetivo de aprofundar as ligações entre as disciplinas das áreas técnicas (Cozinha, Bar, Restaurante, Pastelaria, Padaria, Vinhos, Segurança e Higiene Alimentar, Nutrição e Dietética) com as disciplinas científicas e socio-humanísticas (Português, Matemática, Inglês, Francês, Educação Física, Gestão e Marketing, Integração Sociocultural) e assim apresentar um dia diferente no restaurante pedagógico da Escola”.

“Raízes” é um dos projetos que teve continuidade e iniciou na passada quinta-feira com os finalistas dos cursos de “Técnicas de Cozinha/Pastelaria” e “Técnicas de Serviço de Restauração e Bebidas”.

Laranja e Vinho do Porto foram os protagonistas do primeiro menu temático, que este ano vai desenvolver-se quinzenalmente.

Os alunos, organizados em grupos, escolhem os diversos produtos alimentares que vão ser trabalhados. Pesquisam informação e desenvolvem menus especiais de combinação e harmonização de sabores. “O objetivo ligar o improvável e não camuflar os sabores. As confeções são simples para enaltecer o próprio produto”, explicou Luís Tarenta.

Admitindo ter sido uma combinação improvável juntar laranja e vinho do Porto, sublinhou que os alunos conseguiram um “casamento agradável na ementa que criaram”.

Do menu constou como entrada “gel de laranja”, seguida de uma sopa de creme de couve-flor. Nos pratos principais a escolha recaiu sobre “Bacalhau do Porto” e “Naco de Novilho Grelhado”. No final foi servido “texturas de laranja e redução de Porto Ruby ”,uma sobremesa que conjugou “vários doces com laranja, como pudim, gelado e bolo”.

“As confeções foram simples para enaltecer o produto. O mais original foi o bacalhau escalfado em Vinho do Porto”, disse o chefe, que para a confeção dos pratos no âmbito de projeto gosta de ir à “raiz da cozinha tradicional portuguesa ou à da cozinha clássica francesa e depois fazer um jogo de técnicas e sabores”.

A escolha das bebidas e a gestão do serviço de sala foram tarefas dos alunos do curso Técnicas de Serviço de Restauração e Bebidas. Para acompanhar o menu serviram cerveja Artesanal Oeste, vinho rosé Vila Rela, vinho tinto “Vinha das Lebres” e Vinho do Porto Ruby. No fim foi criado um cocktail original intitulado “Godfather”.

Luís Tarenta, formador há quatro anos na EHTO e há quinze anos no Turismo de Portugal, tem alunos que já estão a trabalhar em restaurantes e hotéis de prestígio. Considera que o seu sucesso pessoal reflete-se “no êxito dos alunos”.

Chef de Cozinha do Benfica na EHTO

“Afinidades” é como se designa o novo projeto da EHTO, que vai iniciar no dia 20 de outubro, com o tema “Alimentação para Desportistas de Alta Competição”, com a presença do chef de Cozinha do Benfica,FernandoHeleno, alguns atletas olímpicos e futebolistas. O chef da equipa vermelha irá estar na cozinha com os alunos e no final do almoço irá dinamizar uma conferência onde será debatido o tema.

O projeto “Afinidades” irá decorrer quinzenalmente e tem como objetivo reforçar a interdisciplinaridade e as interligações existentes entre as diversas disciplinas (socio humanísticas, científicas e das áreas técnicas). A recriação do ambiente da série de televisãobritânica“Downton Abbey”, que passa no início doséculo XX, a partir de1912, é outros dos temas deste projeto, que envolve também as professoras das disciplinas de inglês, técnicas de comunicação e regras e protocolo.

“Senior Tourism Academy (Academia de Turismo Sénior) é como se designa outro projeto que irá ser desenvolvido nesta escola. É um programa de formação em ação, certificado pelo Turismo de Portugal, dirigido a profissionais e público com idade acima dos 55 anos que podem assistir às aulas, seminários ou workshops desenvolvidos na escola, contribuindo para a “aquisição ou melhoria de conhecimentos sobre o setor do turismo”.

Segundo Daniel Pinto, a escola criou uma oferta de formação de conteúdos de animação e aprendizagem para que essa população “possa beneficiar” e deste modo “facilitar o convívio dos alunos com os seniores”.

Oficinas Criativas com o chá das cinco (15 de novembro), workshops de cozinha com os temas: “Cozinha de Outono” (28 de outubro), “Natal à Mesa” (8 de dezembro) e ainda “Doces de Natal” (9 de dezembro) são algumas das atividades que irão ser desenvolvidas para a terceira idade. Vários seminários temáticos como “Ponha Portugal no Mapa” (4 de novembro) ou “Viajar em Inglês” (2 de dezembro) também irão decorrer no âmbito deste projeto. O objetivo é envolver as Universidades Seniores da Região Oeste, entre outras instituições. No dia 15 de outubro, para comemorar o Dia Mundial da Alimentação, um formador e alunos da EHTO desenvolveram um workshop de cozinha na Fundação Manuel Francisco Clérigo, em S. Martinho do Porto.

Este ano a EHTO celebra o 10.º aniversário e vai organizar diversas iniciativas ao longo do ano letivo com alunos, professores, encarregados de educação e empresas do setor.

Uma viagem de comboio até Óbidos e uma caminhada de regresso com os alunos e professores no dia 14 de novembro vai assinalar o dia do aniversário. O objetivo é sensibilizar as entidades para a necessidade de requalificação da linha do Oeste e para a importância da criação de um circuito pedonalentre Caldas e Óbidos.

A Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste (EHTO) começou a funcionar em 2006 com onze alunos no pólo de Óbidos e atualmente conta com 250 alunos nos dois pólos (Caldas da Rainha e Óbidos).

Marlene Sousa

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Textos de turmas cadavalenses em livro que ajuda famílias

A Biblioteca Municipal recebeu, no passado dia 20, o lançamento do livro “Histórias da Ajudaris’22”, no âmbito do 8.º aniversário da Biblioteca Escolar (BE) do pré e 1.º ciclo do Agrupamento de Escolas do Cadaval (AEC). Esta iniciativa anual, de âmbito nacional,...

livro

Presidente da IP visita obras no IC2

O presidente da Infraestruturas de Portugal (IP), Miguel Cruz, e a vice-presidente, Maria Amália Almeida, estiveram presentes no dia 3 de fevereiro numa reunião de dirigentes e técnicos da IP, realizada no local das obras em curso em Rio Maior, integradas na...

ip

Francisco Daniel em torneio internacional júnior

O atleta do MVD, das Caldas da Rainha, foi convocado pela Federação Portuguesa de Badminton para participar no “Iberdrola Spanish Junior Open 2023”, que se realiza em Oviedo, Espanha, de 17 a 19 de março. O atleta caldense foi também convocado para a participação...

francisco