Q

Previsão do tempo

20° C
  • Thursday 24° C
  • Friday 31° C
  • Saturday 28° C
20° C
  • Thursday 25° C
  • Friday 32° C
  • Saturday 29° C
21° C
  • Thursday 27° C
  • Friday 36° C
  • Saturday 33° C

A minha vida de universitário

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O JORNAL DAS CALDAS recolheu as histórias de treze jovens que acabaram ou estão a concluir os estudos universitários.
Marisa Inglês, terceira a contar da esquerda, com colegas

Pedimos que transmitissem como foi ou tem sido a vida de estudante distante (uns mais do que outros) da área de residência, como foi a experiência, os desafios, as dificuldades iniciais e como se tornou mais fácil. Também quisemos perceber que respostas de alojamento tiveram e como geriram despesas com casa, transporte, alimentação e custos da universidade. Por último, deixaram conselhos para os futuros universitários.

Marisa Inglês, 26 anos, Peniche

“Se estamos em busca daquele que queremos que seja o nosso futuro, vale a pena”

Estudei Design de Moda na Universidade da Beira Interior, na Covilhã. Concluí a licenciatura em 2014 e neste momento estou no segundo ano de mestrado, também em Design de Moda. É um curso que em ensino universitário não existe em muitas escolas, logo, tive pouco por onde escolher.

Escolhi a Universidade da Beira Interior como uma das primeiras opções porque dentro do plano de estudos era a faculdade que melhor respondia ao que eu pretendia. Lógico que temos sempre os nossos medos e anseios. Viajar para uma distância de quase 300 quilómetros de casa pode fazer-nos meter muita coisa em causa mas acho que se estamos em busca daquele que queremos que seja o nosso futuro, vale a pena. Pessoas boas e más existem em todo o lado e as coisas vão acontecendo, os amigos, os sucessos, as alegrias, as tristezas. A vida continua em mais do que um sítio. No meu caso, tirando as saudades da família, do namorado e dos amigos, a maior saudade foi ver e cheirar o mar, sentir aquele vento cheio de maresia.

Mas a Covilhã ofereceu-me paisagens e pessoas lindas e o curso que eu queria, e no fim de contas é isso que interessa, termos conseguido encontrar alegria.

Alojamento e despesas:

O alojamento é algo que fora dos grandes centros é muito mais barato mas por vezes difícil de satisfazer pelas condições. Agora já vejo uma maior atenção de nos apresentarem casas que nos façam querer viver lá mas no meu primeiro ano vi muitos casos complicados. No entanto, tive alguma sorte.

Conseguir gerir despesas é realmente uma ginástica, ainda mais passando a minha família por uma fase muito chata financeiramente. É importante sermos conscientes e se for necessário, como no meu caso, arranjar um trabalho ou trabalhar como freelancer em alguns projetos.

Tive bolsa de estudo e foi ela que fez com que conseguisse concluir os estudos, mas claro, é sempre preciso uma boa gestão e definirmos prioridades.

Conselhos para futuros universitários:

Vai atrás daquilo que gostas, sê persistente e não te deixes influenciar. Não corras atrás de cidades nem pessoas, corre atrás do teu sonho. Depois, sê humano, amigo, diverte-te muito mas empenha-te! Garanto que dá para conciliar diversão com estudos, basta quereres e nunca desistires e fazeres as coisas com gosto e moderação. Aproveita e desfruta, há muito para aprender!

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Vereador contra “duplicação de subsídios”

O vereador do PS na Câmara Municipal das Caldas da Rainha está contra a atribuição de verbas à ADIO – Associação para o Desenvolvimento Industrial do Oeste para fazer face a despesas com eventos na Expoeste, alegando que “já beneficia de uma comparticipação...

Recriação histórica e noite de fados

No passado dia 6 realizou-se uma recriação histórica e noite de fados, tendo como cenário os lavadouros da freguesia do Vau, no concelho de Óbidos. A recriação histórica ficou a cargo do Rancho Folclórico e Etnográfico Estrelas do Arnóia, da Sancheira Grande,...

vau