Q

Previsão do tempo

21° C
  • Sunday 21° C
  • Monday 19° C
  • Tuesday 21° C
21° C
  • Sunday 21° C
  • Monday 19° C
  • Tuesday 22° C
21° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 20° C
  • Tuesday 23° C

Biblioteca Municipal do Bombarral festejou o Carnaval

16 de Fevereiro, 2016
No âmbito da exposição “Biblioteca e Folia”, que esteve patente até ao passado dia 10, a Biblioteca Municipal do Bombarral convidou os alunos do pré-escolar para brincar ao Carnaval e conhecer um pouco melhor as tradições carnavalescas.
Alunos do pré-escolar brincaram ao Carnaval

Num espaço dedicado aos livros, a exposição começou precisamente por fazer a ligação entre o Carnaval e algumas histórias infantis, de onde saem muitas das personagens que inspiram as fantasias que vemos desfilar nos corsos carnavalescos.

Os palhaços Batatinha e Companhia, a Bruxa Carlota, a Branca de Neve, a Minnie, a princesa Elsa do filme de animação “Frozen” ou ainda a Abelha Maia foram algumas das personagens do imaginário infantil que se apresentaram nesta mostra carnavalesca.

Nesta viagem conduzida por Guida Bruno, voluntária do Museu Municipal do Bombarral, os petizes “passaram” ainda por Macedo de Cavaleiros, onde conheceram os “Caretos de Podence”, pelo Brasil e por Veneza, em Itália, locais onde o Carnaval tem grande tradição.

E porque o futuro se constrói com as aprendizagens do passado, nesta exposição não foi esquecido o “Carnaval de Antigamente”, com a apresentação de várias fotografias dos corsos carnavalescos que se realizaram, noutros tempos, no Bombarral.

Na mostra estiveram patentes várias fotografias do espólio do Museu Municipal, doadas pelo fotógrafo Fernando Neves, assim como algumas cedidas pelo colecionador bombarralense Luís de Matos.

Além das personagens de animação, também as profissões servem muitas vezes de inspiração para os fatos de Carnaval. Na exposição os petizes puderam ver uma bata e um estetoscópio de médico, bem como uma farda de bombeiro, cedida pelos Bombeiros Voluntários do Bombarral.

Antes do regresso à sala de aula, a pequenada ainda teve tempo de brincar ao Carnaval, escolhendo uma das várias fantasias disponíveis na “mala da fantasia”. Em ambiente de festa, não houve quem conseguisse resistir em dar um pezinho de dança ao som as músicas que anualmente animam as atividades carnavalescas.

Nem mesmo o presidente da Câmara Municipal, José Manuel Vieira, que fez questão de acompanhar algumas das visitas, conseguiu escapar à contagiante alegria e boa disposição transmitida pelas crianças, educadoras e auxiliares de educação.

“O carnaval acabou… e então?”

As festividades de Carnaval na Biblioteca Municipal terminaram no passado dia 10 com a atividade “O carnaval acabou… e então?”, que contou com a participação das crianças da sala de estudo da Cruz Vermelha do Bombarral, entidade parceira na organização deste evento.

Além da visita à exposição, com esta iniciativa pretendeu-se sensibilizar os mais novos que, apesar do “Carnaval ser só três dias”, podemos brincar todo o ano e que há sempre motivos para nos fantasiarmos das personagens que preenchem o nosso imaginário.

As crianças ficaram ainda a perceber o significado do “enterro do Entrudo”, momento que marca o encerramento das festividades carnavalescas e o início da Quaresma.

Depois de recorrerem à “mala da fantasia”, onde puderam escolher a máscara que mais lhes agradava, os petizes escutaram a história do “Verdinho Sonhador”, uma carro que queria ser uma ambulância, pintaram as suas personagens preferidas e ainda tiveram ao seu dispor as pinturas faciais da “lili acores”.

Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Isabel Ricardo apresenta livros infanto-juvenis

A escritora Isabel Ricardo, com vários livros publicados para crianças, jovens e adultos, vai estar nas Caldas da Rainha, nos dias 28, 29 e 30 de outubro, a fim de apresentar os seus recentes livros: O Dragão Trapalhão, destinado a crianças entre os 6 e os 8 anos, e Os Piratas da Falésia, da coleção Os Aventureiros, dirigido a um público entre 9 e os 12 anos.

isabel

Mobiliário hospitalar renovado

Com o intuito de prestar melhores cuidados aos utentes e de proporcionar melhores condições aos profissionais, o Centro Hospitalar do Oeste (CHO) adquiriu 40 camas elétricas e 130 mesas de cabeceira e leito, traduzindo-se num investimento de 106.177,04 euros.

mobiliario