Q

Previsão do tempo

15° C
  • Monday 16° C
  • Tuesday 14° C
  • Wednesday 17° C
16° C
  • Monday 16° C
  • Tuesday 14° C
  • Wednesday 17° C
16° C
  • Monday 16° C
  • Tuesday 15° C
  • Wednesday 17° C

Candidato à Presidência da República está próximo das 7500 assinaturas

Marlene Sousa

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A candidatura às eleições presidenciais de Henrique Neto esteve no sábado de manhã na Praça da República a recolher assinaturas. Enquanto decorriam campanhas para as eleições legislativas, Henrique Neto encontrava-se a recolher assinaturas para poder se candidatar a presidente da República. “A campanha para as presidenciais está em segundo plano, antes, ainda há o voto nas legislativas”, disse. Mas o candidato a Belém que corre sem o apoio de um partido é obrigado a desdobrar-se em ações pelo país para recolher as 7500 assinaturas (no mínimo) obrigatórias. Disse que está próximo de atingir, mas quer 9000 assinaturas.
Henrique Neto esteve nas Caldas a recolher assinaturas para se candidatar a Presidente da República

Admitiu que as campanhas para eleições legislativas não estão a ajudar muito a recolha de assinaturas porque “há muitas mentiras e falta de ideias claras e o povo está cansado de ser enganado”.

Henrique Neto nasceu em Lisboa, mas é filho de uma família operária da Marinha Grande. Por isso está ligado ao distrito de Leiria e até “ao Mercado da Fruta das Caldas”. Recordou que em 1969 andou a distribuir na Praça da República panfletos para as eleições da Assembleia Nacional e foi preso pela polícia. Permaneceu na cadeia das Caldas da Rainha durante quatro ou cinco dias. Mas das Caldas não há só memórias negativas, é também um concelho onde tem “grandes amigos”.

Tem andado pelo país e tem notado que há uma grande desacreditação da política.Decidiu candidatar-se a Presidente da República porque considera que a “democracia faz-se com democratas”. “As mudanças necessárias para uma democracia responsável e amplamente participada serão uma realidade com destaque para a reforma do sistema eleitoral”, disse o candidato.

“Na situação atual da economia portuguesa e a austeridade temos a responsabilidade de fazer alguma coisa para provocar a mudança”, adiantou Henrique Neto.

Para conseguir essa mudança defende uma maior transparência, “prestação de contas claras e um combate duro e incansável à corrupção”.

Considera que os partidos políticos são “necessários” mas em Portugal “têm excesso de poder porque mandam em tudo”.

Marlene Sousa

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Concurso de gastronomia coreana ganho por alunos da EHTO

Os alunos da Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste, do curso de Gestão e Produção de Cozinha (3.º semestre), Inês Silva e Rodrigo Fé, formaram a equipa vencedora do Concurso de Gastronomia Coreana Hansik Contest 2022, que decorreu no passado dia 25 na Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve.

coreana

Aluno da EHTO no MasterChef

Guilherme Romão, aluno da Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste, das Caldas da Rainha, no Curso de Padaria Avançada 2021 (sexta edição), está a participar na nova temporada do Programa "MasterChef Portugal".

guilherme

Peniche com campeão de muay thai

O Município de Peniche soma mais um campeão nacional, desta feita, o atleta Cláudio Figueiras, da classe de cadete do MSA-Sitnarong Muay Thai Camp Peniche/Portugal.

claudio