Q

Previsão do tempo

14° C
  • Tuesday 20° C
  • Wednesday 21° C
  • Thursday 21° C
14° C
  • Tuesday 21° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 22° C
14° C
  • Tuesday 23° C
  • Wednesday 24° C
  • Thursday 24° C
Futebol

Campeonato Nacional de Juniores A 2ª Divisão Série D

Rui Miguel

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Caldas Sport Clube – 1 – Sintrense – 0 Campo: Campo Municipal Quinta da Boneca Árbitro: Rui Soares Assistentes: Pedro Gorjão e Filipe Lascas Caldas Sport Clube: Marco, Pinto, Edgar Garcia (CAP), Miguel, Afonso, Ivo, Tiago, Batista, Rui, Bernardo e Tomás. Treinador: Bruno Matias. Adjunto: David Borges. Massagista: Álvaro da Fonte. Suplentes: Edgar Lopes, David, Martins, Rúben, Esteves, Creio e Silvério. Substituições: Rui (Creio – 18m2ªP), Batista (Esteves – 20m2ªP) Cartões Amarelos: Tomas (23m2ªP), Esteves (28m2ªP) Cartões Vermelhos: Tiago (46m2ªP) Golo: Pinto (35m2ªP)
A equipa dos Caldas Sport clube venceu o Sintrense

Sintrense: Duarte Silva, André Almeida, Gabriel Fernandes (CAP), Pedro Simões, Diogo Lopes, Fábio Rosão, Daniel Gomes, Henrique Figueiredo, Euclides, Cláudio e Serginho. Treinador: Mário Fonseca.

Suplentes: Gonçalo Reis, Alex, Mendonça, Carlitos, César, Daniel e Pedro.

Substituições: Henrique Figueiredo (Daniel – 45m1ªP), Euclides (Daniel – 20m2ªP)

O Sintrense sofreu a primeira derrota do campeonato ao perder (1-0) no reduto do Caldas. A equipa liderada por Mário Fonseca foi o exemplo de que no futebol ganha quem marca e não quem domina. A formação do Sintrense começou desde cedo a assumir o controlo das operações, privilegiando a posse de bola. Em contraste, o Caldas parecia apenas defender com qualidade e explorar, o erro do adversário. A verdade é que, apesar do conjunto da casa prescindir da posse de bola, a melhor ocasião de golo na 1ª parte saiu da cabeça de Bernardo, aos 28 minutos. No entanto, o Sintrense criou mais lances de golo, mas a solidez defensiva da equipa de Bruno Matias ia dificultando a tarefa do Sintrense. O Caldas entrou na segunda parte com o mesmo modelo de jogo: linhas recuadas, esperando o erro do adversário e, numa distração defensiva dos forasteiros, Tiago isolou-se e, na cara de Duarte Silva, marcou aos 46 minutos da segunda parte. Em desvantagem, o Sintrense, despertou, continuo a privilegiar a posse de bola mas tornou-se mais objetivo nas ações ofensivas, embora continuando a pecar na finalização, com Diogo Lopes a desperdiçar duas grandes ocasiões (30 e 35 minutos da segunda parte). Com o tempo a passar, esgotou-se o discernimento do Sintrense, aspeto que, aliado ao desgaste físico acabou por impedir a equipa de evitar a derrota.

Reações:

Mário Fonseca – Treinador Equipa Juniores Sintrense comenta que “vi uma partida desorganizada, na primeira parte inicial sabíamos que íamos apanhar uma equipa, que vinha de uma pesada derrota e que a jogar em casa queria mostrar ao seu público, que tinha tido um engano no primeiro resultado. Avisei os meus atletas, pedi-lhes que marcassem na zona do meio-campo, e na zona do meio-campo conseguimos construir algumas jogadas, não tivemos grande eficácia a nível efetivo, e quando assim é perde-se os jogos”.

Bruno Matias – Treinador Juniores do Caldas comentou que “sabíamos da importância deste jogo, que tinha para nós, ainda para mais o primeiro jogo em casa, queríamos vencer, a equipa queria dar uma demonstração diferente, daquilo que tinha sido a primeira jornada, nós sabemos, o que é que aconteceu na primeira jornada quem viu o jogo também sabe, foi um jogo completamente atípico, mas penso que a nossa resposta hoje era esta, os jogadores hoje foram fantásticos, e hoje tivemos aqui a recompensa destes 3 pontos, num jogo muito difícil contra uma boa equipa”.

Rui Miguel

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Torneio de Voleibol Feminino de Veteranas em Óbidos

A secção de voleibol da Associação Desportiva de Óbidos levou a cabo a 2ª. Edição do Torneio de Voleibol Feminino de Veteranas, no Pavilhão Municipal, no passado dia 26, reunindo nove equipas e 108 atletas, com idade igual ou superior a 30 anos. A vitória coube à equipa Buzz (Marinha Grande).

veteranas1

Acrotramp Clube de Caldas campeão nacional na categoria de juvenis

A equipa da categoria de juvenis do Acrotramp Clube de Caldas, constituída por Rita Laranjeira, Zoe Mendes, Lara Murtinho e Madalena Gonçalves sagrou-se campeã nacional. Rita Laranjeira é campeã nacional em trampolim individual. Zoe Mendes e Andreia Berto (seniores) alcançaram o pódio no 3º lugar. Rita Laranjeira e Lara Murtinho ficaram em 3º lugar em trampolim sincronizado.

Acrotramp1