Q

Previsão do tempo

20° C
  • Thursday 24° C
  • Friday 24° C
  • Saturday 24° C
20° C
  • Thursday 25° C
  • Friday 25° C
  • Saturday 25° C
24° C
  • Thursday 28° C
  • Friday 28° C
  • Saturday 27° C

Vodafone Rali de Portugal

António Bento

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Ao fim de 15 anos o Rali de Portugal regressou ao Norte do país, uma zona carismática para o automobilismo nacional, com muitos adeptos dos desportos motorizados.
O finlandês J. Latvala venceu pela primeira vez o Rali de Portugal

Apesar de algum receio do comportamento do público, sabendo das regras apertadas que a Federação Internacional de Automobilismo impõe à segurança das provas do Mundial, tudo correu bem e nada teve a ver com o último rali disputado na Argentina, em que o público teve um comportamento inadequado.

O Automóvel Clube de Portugal, entidade responsável pela organização do Rali de Portugal, “arriscou” mudar o Rali para o Norte, vencendo a aposta. Para isso foi feito um excelente trabalho ao criar zonas espetáculo extensas e com boa visibilidade para que o público pudesse ver a prova em segurança. Milhares de espetadores estiveram desde o Minho a Trás os Montes a assistir ao Rali, havendo também muitos espanhóis.

No aspeto desportivo, o que se pode dizer é que quem tem um VW Polo WRC arrisca-se a vencer uma prova do Mundial de Ralies. A exceção foi o Rali da Argentina, onde K. Meeke, em Citroen, venceu depois dos problemas técnicos que afetaram os motores da VW.

Desta vez o bi campeão mundial de Ralies, Sebastien Ogier, não conseguiu vencer em Portugal, ficando em segundo, pois o seu colega de equipa J. Latvala dominou a prova desde a quarta especial, não dando hipótese aos seus adversários, apesar do esforço dos pilotos da Citroen, em especial de K. Meeke, bem como dos seus colegas da VW, Ogier e A. Mikkelson. Apesar de tudo S. Ogier efetuou uma excelente recuperação até ao segundo lugar, depois de ter furado logo na primeira especial.

O finlandês J. Latvala, depois de nas últimas provas do Mundial as coisas lhe terem corrido mal, deu a volta a essa onda de azar e venceu pela primeira vez o Rali de Portugal.

Quanto ao WRC 2, os carros da categoria R5, foi dominado pelo vencedor do Rali Dakar 2015, o piloto do Qatar, Nasser Al-Attiyah (Ford Fiesta RRC), ficando também em posição de destaque a equipa da Skoda com o novíssimo Skoda Fabia R5, que se estreou no WRC no Vodafone Rali de Portugal, terminando os dois carros no pódio.

Os três primeiros na classificação geral foram J.Latvala, S.Ogier e A.Mikkelson, todos em VW Polo WRC. O melhor português foi Miguel Campos (Ford), no 20º lugar.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Pimpões com três títulos nos Nacionais de Verão

Entre os dias 12 e 14 de julho, o Complexo de Piscinas do Jamor acolheu o Campeonato Nacional de Piscina Longa para os escalões de Juvenis, Juniores, Seniores e Open de Portugal, contando com a presença de 809 atletas, representando 110 equipas. Os Pimpões levaram uma comitiva de 10 nadadores.

nacional

António Moura no Triatlo Starman Portugal

O caldense António Moura, em representação do clube Vitória de Janes, participou na terceira edição do Triatlo Starman Portugal, na distância de half-ironman, ficando em 11º lugar da geral e em 1º lugar no escalão 60-64 anos.

moura

“O Mar no Museu José Malhoa” é tema de visita com Dóris Santos

As férias no Museu José Malhoa e no Museu da Cerâmica continuam esta semana. Desta vez, as atividades chegam ao público adulto, com a visita temática “Depois, Malhoa”. A iniciativa busca, afirma Nicole Costa, diretora dos Museus José Malhoa, da Cerâmica e Dr. Joaquim Manso, na Nazaré, “proporcionar momentos de conhecimento sobre os nossos acervos, através do olhar de especialistas convidados – porém, por meio de um percurso pelas obras em exposição, de modo a tornar os saberes sobre arte mais acessíveis e próximos das pessoas”.

mar