Q

Previsão do tempo

15° C
  • Wednesday 21° C
  • Thursday 22° C
  • Friday 26° C
16° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 23° C
  • Friday 27° C
17° C
  • Wednesday 24° C
  • Thursday 25° C
  • Friday 31° C

Novos órgãos sociais querem manter estabilidade financeira da Infancoop

Marlene Sousa

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A Infancoop conta com novos órgãos sociais que têm vários projetos para a instituição, sendo a prioridade dar a perceber a todos encarregados de educação que “é possível e muito vantajoso as crianças entrarem na Infancoop no berçário e saírem quando terminarem o 1º ciclo”.
Elementos dos novos órgãos sociais

Pedro Sequeira, novo presidente da direção, disse ao JORNAL DAS CALDAS que pretende que a Infancoop esteja preparada para os novos desafios, nomeadamente “os ligados à crise económica e social que assolou nos últimos anos na nossa região”. “Nos dias de hoje, se as instituições não apresentarem projetos adaptados à nova realidade e ao futuro que se avizinha, dificilmente sobreviverão”, afirmou, pretendendo que a Infancoop se mantenha uma referência na região. Para isso os novos órgãos sociais vão “continuar a aposta na atual equipa pedagógica que tem sido o grande alicerce da Infancoop, mesmo nos anos de crise”. Para que isto se mantenha, o presidente da direção diz que terão que dotar a instituição “das melhores condições possíveis, para que desta forma pais e crianças sintam conforto e segurança”.

Todo o processo ensino-aprendizagem desta instituição é potenciada de forma a preparar as crianças para o futuro. “Continuamos a achar que o Movimento da Escola Moderna continua a ser uma aposta importante da Infancoop e que marca, claramente a diferença, pela qualidade, de todo o processo pedagógico”, sublinhou o responsável, alegando que também é importante que o ATL seja um complemento do processo de ensino-aprendizagem das crianças e para isso terá, cada vez mais, que estar em perfeita sintonia com todas as atividades curriculares.

O dirigente apontou que as crianças que têm saído no 4º ano têm conseguido muitos bons resultados no 2º ciclo. “E não falamos apenas nas notas, mas também na sua integração nas novas escolas e a forma como se relacionam positivamente com elas”, adiantou.

Consciente que, nos dias de hoje, ter uma criança a estudar na Infancoop, significa um investimento financeiro, sublinhou que “o retorno é muito superior ao investimento, pelo que vale a pena”.

Outra prioridade que esta equipa tem é preparar e estruturar toda a área administrativa da Infancoop às novas realidades das instituições deste género. “Também aqui temos alguns desafios importantes, não podendo de deixar de destacar a necessidade de manter a instituição, do ponto de vista financeiro, num estado de saúde permanente”, referiu.

As eleições para os órgãos sociais da Infancoop para o biénio 2015-2016 decorreram no dia 26 de janeiro. Houve duas listas que concorreram. A lista A conseguiu 97 votos tendo a lista B liderada, por Pedro Sequeira, vencido com 119 votos.

Há dois anos, Pedro Sequeira fez parte de uma lista (na altura candidato a vice-presidente da Assembleia Geral) que não venceu.

Este ano decidiu voltar a candidatar-se porque nos últimos meses que antecederam a estas eleições foi abordado por alguns trabalhadores e pais que o convenceram. Acabou por aceitar o desafio até porque “não concordava com algumas coisas que se iam passando na instituição”. Achou que tinha chegado a hora de com as suas ideias tentar que “a instituição percorra um caminho alternativo”. “Devo dizer que também só avancei com a lista porque as dez pessoas que me acompanham têm os mesmos princípios que eu defendo e funcionamos como uma equipa”, assegurou o responsável.

Pedro Sequeira atualmente exerce o cargo de Diretor da Unidade de Investigação do Instituto Politécnico de Santarém e continua a lecionar algumas aulas na Escola Superior de Desporto de Rio Maior. Para além da sua profissão, exerce outros cargos em diversas entidades desportivas como a Confederação de Treinadores de Portugal, a Federação de Andebol de Portugal, a Federação Europeia de Andebol, a Sociedade Científica de Pedagogia do Desporto e a European Network of Sport Science, Education and Employment.

Órgãos Sociais da Infancoop para o biénio 2015-2016

Mesa da Assembleia Geral

Presidente:Cláudia Almeida

Vice-Presidente:Maria João Ferreira

Secretário:Rui Jesus

Direção

Presidente:Pedro Sequeira

Vice-Presidente:Pedro Custódio

Tesoureiro:Miguel Santos

Secretário:Vanda Ribas

Vogal:Susana Oliveira

Conselho Fiscal

Presidente:HugoAmaral

Secretário:Célia Barros

Relator:Fernanda Duarte

Marlene Sousa

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Candidata da Iniciativa Liberal em piquenique no Parque D. Carlos I

Ana Martins, candidata da Iniciativa Liberal (IL) às eleições europeias, participou num piquenique no Parque D. Carlos I, nas Caldas da Rainha, onde manifestou que o país “podia ter feito muito mais com os fundos europeus que recebeu”.

Iniciativa Liberal 1

Composição de dança ganhou o 1º prémio do “Toma Lá Talento”

Martim Codinha, aluno no Colégio Rainha D. Leonor, conquistou o 1º lugar na final concelhia do concurso "Toma Lá Talento” com uma composição de dança.
O 2º lugar foi para Martim Marques, da Escola Secundária Rafael Bordalo, no domínio da guitarra.
A 3ª classificação foi para a dupla Marie e Anne, também da Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro, com cântico e guitarra.

talento 1