Q

Previsão do tempo

15° C
  • Saturday 20° C
  • Sunday 19° C
  • Monday 18° C
15° C
  • Saturday 21° C
  • Sunday 19° C
  • Monday 18° C
16° C
  • Saturday 22° C
  • Sunday 21° C
  • Monday 20° C
Rugby

Benfica 35 CRC 21

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
As condições para a prática do rugby não eram as melhores, devido ao forte vento que se fez sentir e ao relvado que se encontrava algo mole, fruto das recentes chuvadas que episodicamente caíram durante o encontro.

O Sport Lisboa e Benfica (SLB) apresentou-se forte, com a equipa completa. O Caldas Rugby Clube (CRC), ainda limitado por lesões e efeitos das gripes da época, apresentou-se apenas com 17 jogadores. A jogar a favor do vento na 1ª parte o Benfica entrou a dominar, concentrado e com o tipo de jogo que se exigia – pontapés a seguir, onde os especialistas Filipe Grenho e Tiago Sá sabem jogar. Assim, aos 18 minutos o SLB já ganhava por 15 a 0.

Recompôs-se o Caldas, a partir de fases estáticas dos seus avançados, equilibrando o jogo até cerca da meia hora. Nos últimos 10 minutos o Benfica voltou a dominar e a pressionar, com bom jogo de avançados a criar fases para a penetração dos 3/4, obtendo mais três ensaios – dois nos últimos três minutos do jogo, contudo não transformados.

Ao intervalo SLB – 35, CRC – 0, resultado perfeitamente ajustado ao que se passou no terreno.

Na 2ª parte, a jogar contra o vento, o Benfica jogou de forma diferente e como se impunha face às condições – fases estáticas dos seus avançados, sempre no meio campo Pelicano e a pressionar a linha de vantagem, estando por diversas vezes em condição de marcar. Defendeu com garra o Caldas, e a partir dos 20 minutos conseguiu colocar o jogo nos 22 metros da casa, conseguindo penetrar a linha de vantagem e obter o 1º ensaio, aos 65 minutos, pelo “veterano” pilar Luís Gaspar, transformado pelo abertura Jonathan Nolan. Nos últimos 10 minutos e face às várias substituições efetuadas no Benfica, o Caldas encheu-se de brio, e com garra conseguiu obter dois ensaios entre os postes, pelos seus 3ª linhas Nika Charkviani e Tiago Ribeiro, ambos transformados por Jonathan “Nilas” Nolan.

Resultado final SLB-35 (6E 1PT e 1PP) CRC-21 (3E e 3PT). Vitória clara da melhor equipa, o Benfica, mais forte, organizada e com jogo mais adulto e adequado às condições do tempo. Jogo difícil, face às circunstâncias para a formação da equipa por parte dos caldenses, que ainda assim mostraram garra e espírito de luta de assinalar.

Alinharam pelo CRC: Bernardo Mateus, Luís Gaspar, Rui Santos, Cristiano Manuel, Tiago Ribeiro, Gonçalo Sampaio, Nika Charkviani, Salvador Cambournac, Jonathan Nolan, Tiago Santos, Baltazar Patuleia, Cláudio França, Delcio Mateus, Rodolfo Varela, Guilherme Neves, Pedro Santos e David Esteves. Treinador: Patrício Lamboglia.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

José Viegas com duplo título de campeão nacional de veteranos

José Viegas, que reside nas Caldas da Rainha e foi um dos melhores praticantes nacionais de ténis de mesa, tendo representado o Sporting das Caldas para além de FC Porto, Benfica, Sporting e Clube 81 Huelva de Espanha, entre outros, e foi internacional por Portugal e com inúmeros títulos nacionais, conquistou nos dias 18 e 19 de maio, na Figueira da Foz, na categoria de veteranos, o Campeonato Nacional Individual e de Pares.

viegas