Q

Previsão do tempo

7° C
  • Wednesday 9° C
  • Thursday 14° C
  • Friday 12° C
7° C
  • Wednesday 9° C
  • Thursday 14° C
  • Friday 13° C
7° C
  • Wednesday 9° C
  • Thursday 14° C
  • Friday 13° C
Visita a duas empresas da região

Cavaco Silva faz Roteiro para uma Economia Dinâmica

Francisco Gomes

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Acompanhado da esposa, o presidente da República, Cavaco Silva, fez na passada segunda-feira um roteiro pelo país, indo às empresas com grande peso exportador e impacto na criação de emprego. Na Benedita, a empresa Solancis, que se dedica à extração e transformação de calcário, impressionou Cavaco Silva pelo volume de negócios na ordem dos oito milhões de euros e pela exportação de 95% da produção para 53 países. Possui doze pedreiras e dos nove trabalhadores iniciais passou para noventa, e com condições bastante atrativas.
Visita à Solancis, na Benedita

“Tem uma média salarial acima dos 1200 euros por mês. É um estímulo que damos aos trabalhadores”, revelou Samuel Delgado, administrador da Solancis.

Assim se percebe a satisfação dos trabalhadores, como Marco Aniceto, que comentou que “comparando com a grande parte dos salários a nível nacional, é um serviço bem pago”.

A associação que representa a indústria extrativa e transformadora aproveitou a visibilidade dada ao setor pela visita do presidente da República a esta empresa para deixar alguns recados, nomeadamente às câmaras municipais.

Miguel Goulão, vice-presidente executivo da ASSIMAGRA, manifestou que “este setor só consegue existir se tiver acesso ao território. Estamos a falar de um país que ainda tem alguns problemas ao nível do ordenamento e PDM’s desadequados às necessidades do setor. Por isso é importante que quem tenha a responsabilidade de planear em Portugal perceba que o recurso existe onde ele existe e não onde querem que ele exista”

Já a ADEB – Associação Desenvolvimento Empresarial da Benedita colocou uma faixa num local de passagem do presidente da República para “lamentar que apesar dos reconhecimentos sucessivos das empresas da região, continuamos à espera de uma Zona Industrial, que permita um crescimento organizado das nossas empresas”.

“Infelizmente devido às sucessivas promessas (após a compra do terreno há mais de nove anos), as nossas empresas têm baseado o seu crescimento numa incerteza que lhe limita as decisões para um futuro competitivo”, manifestou Bruno Letra, presidente da ADEB, que pretendeu “chamar a atenção para um problema que já prejudicou indiretamente muitos postos de trabalho e captação de investimento”.

“Ficaríamos muito satisfeitos se o sr. presidente da República, através da sua influência, nos auxiliasse a ultrapassar as barreiras burocráticas, para que antes do final do seu mandato, a Área de Localização Empresarial da Benedita fosse uma realidade”, descreveu Bruno Letra.

Cavaco Silva ouviu alguns dos problemas com que se debatem os empresários do setor mas não prestou declarações aos jornalistas, nem mesmo no Centro Equestre Internacional de Alfeizerão (CEIA), onde almoçou, após uma visita e demonstração de equitação.

O CEIA é um dos maiores empreendimentos da região. Com dois anos de existência, representa um investimento de cerca de 16 milhões de euros. Tem o maior picadeiro coberto da Europa e ali se realizam provas nacionais e internacionais.

Para além da prática desportiva e de competição, o CEIA promove equitação terapêutica, à disposição de várias câmaras e escolas de educação especial.

Segundo explicou aos jornalistas o diretor técnico do CEIA, Pedro Carvalho, o centro pode receber eventos desportivos ligados à equitação em qualquer altura do ano, já que tem picadeiros ‘indoor’ e ‘outdoor’ que permitem a prática de todos os níveis da parte de equitação, disciplina de obstáculos, ensino, horseball e equitação de trabalho.

O centro equestre ofereceu ao presidente da República uma peça em cerâmica, da autoria do ceramista Carlos Enxuto.

Francisco Gomes

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Peão Cavalgante/Arneirense no Torneio de Xadrez Centenário

Realizou-se no Sport Operário Marinhense, na Marinha Grande, no passado dia 29, o Torneio de Xadrez Centenário, onde António Policarpo foi o único representante da Associação Peão Cavalgante/Arneirense, das Caldas da Rainha. Participaram 80 jogadores com o ritmo de...

xadrez

Festival das Sopas

O Sport Clube Escolar Bombarralense vai organizar na sua sede a sexta edição do Festival das Sopas, nos dias 11 de fevereiro, das 18h às 23h, e 12 de fevereiro, das 12h às 16h. Haverá variadas sopas para degustar. As crianças dos 5 aos 10 anos pagam quatro euros e...

Exposição sobre José Saramago no CCC

O STAL - Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Administração Local e Regional, Empresas Públicas, Concessionárias e Afins associou-se ao centenário de nascimento do Prémio Nobel da Literatura José Saramago, através de uma exposição com a chancela da Fundação José Saramago, que estão a percorrer vários distritos de Portugal, sendo inaugurada no dia 11, às 16h, no Centro Cultural e de Congressos das Caldas da Rainha.

saramago