Q

Previsão do tempo

15° C
  • Wednesday 21° C
  • Thursday 22° C
  • Friday 26° C
16° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 23° C
  • Friday 27° C
17° C
  • Wednesday 24° C
  • Thursday 25° C
  • Friday 31° C

Pescadores da Nazaré desanimados com proibição da pesca da sardinha

Francisco Gomes

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A proibição da pesca da sardinha até ao final do ano está deixar desolados os cerca de 40 pescadores da Nazaré. Desde o passado dia 20 que vigora a interdição, dado que a frota ibérica atingiu o limite máximo de captura para este ano. “Agora vivo à custa da minha esposa que está a trabalhar pelo salário mínimo e que em breve será despedida. Não sei como vou dar de comer aos meus filhos, de cinco e quinze anos”, desabafa Joaquim Zarro, mestre da traineira “Companheiro de Deus”.
Pescadores da Nazaré vivem dificuldades financeiras (foto CMNazaré-VEstrelinha)

O pescador, de 49 anos, relata que “as dificuldades são imensas”. “Não nos deixam trabalhar mas temos na mesma as despesas com os seguros dos barcos e do pessoal, e com a manutenção. Não há dinheiro que entra e há sempre dinheiro a sair”, aponta, desconfiando das promessas do Governo de que serão pagos subsídios a pescadores e armadores. “Só quando vier o dinheiro é que acredito. Estamos à espera de um subsídio que nos foi dado no princípio do ano pela paragem devido ao mau tempo e ainda não nos foi dito nada”, argumenta. “Assim, a pesca em Portugal para mim acaba”, assegura.

O desânimo é igual nas outras três embarcações que se dedicam à pesca do cerco na Nazaré. Perante os preços baixos do carapau e cavala, que há em abundância, os armadores ponderam não ir mais ao mar até ao fim do ano, por não compensar.

“A venda é só para pagar o gasóleo e despesas e às vezes nem para isso dá”, indica Cristiano Carlinhos, de 23 anos, mestre do “Almaraz Sol”, que emprega quinze pescadores. O jovem lamenta a paragem forçada na captura da sardinha. “É mau porque já tivemos este ano uma paragem de 45 dias. Agora vamos estar mais três meses”, afirma.

João Januário, de 48 anos, mestre do “Estrela do Paraíso”, garante que “há famílias a pedirem emprestado para comer”.

Alargado prazo para linha de crédito

Foi prorrogado até dia 10 de outubro o prazo para a apresentação de candidaturas à linha de crédito de apoio ao setor das pescas.

Esta linha de crédito é destinada a disponibilizar meios financeiros para a aquisição de fatores de produção, liquidação e renegociação de dívidas, junto de fornecedores de fatores de produção ou de instituições de crédito, resultantes de dificuldades de tesouraria decorrentes da inibição da atividade da pesca.

Para efeitos de candidatura, os interessados deverão apresentar: licença de pesca, situação regularizada perante o fisco e a segurança social, declaração de IRS ou IRC (2012 e 2013) e comprovativo da sede social em território nacional.

Os interessados deverão contactar Carla Maurício, do Centro de Apoio à Pesca e ao Mar, através do tlm. 912231272.

Francisco Gomes

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Candidata da Iniciativa Liberal em piquenique no Parque D. Carlos I

Ana Martins, candidata da Iniciativa Liberal (IL) às eleições europeias, participou num piquenique no Parque D. Carlos I, nas Caldas da Rainha, onde manifestou que o país “podia ter feito muito mais com os fundos europeus que recebeu”.

Iniciativa Liberal 1

Composição de dança ganhou o 1º prémio do “Toma Lá Talento”

Martim Codinha, aluno no Colégio Rainha D. Leonor, conquistou o 1º lugar na final concelhia do concurso "Toma Lá Talento” com uma composição de dança.
O 2º lugar foi para Martim Marques, da Escola Secundária Rafael Bordalo, no domínio da guitarra.
A 3ª classificação foi para a dupla Marie e Anne, também da Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro, com cântico e guitarra.

talento 1