Q

Previsão do tempo

22° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 21° C
  • Monday 28° C
22° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 22° C
  • Monday 30° C
23° C
  • Saturday 24° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 34° C

Santa Catarina, vai assinalar os 500 anos do Foral Novo

Marlene Sousa

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Este ano, a freguesia de Santa Catarina, vila com mais de 700 anos de história, vai assinalar, no dia 28 de setembro os 500 anos do Foral Novo, ou Foral Manuelino. Uma organização do grupo de jovens, “Mãos à Obra”, que se organizaram voluntariamente com o intuito de dinamizar culturalmente a Vila de Santa Catarina. Já organizaram um evento, mas agora lançaram-se no desafio de darem corpo a um evento com grande peso cultural e histórico.

“Um marco como este exige pompa e circunstância, não só porque 500 anos é muito tempo, mas também porque assinalar esta data é comemorar a história, feita por outras histórias, de outras gentes que construíram e contribuíram para que hoje possamos celebrar esta data”, diz, Hélder Nunes elemento do grupo de jovens.

Para este responsável “é esta história que aqui falo que tem de ser preservada e transmitida, para não cair em esquecimento. Marque na sua agenda, se puder vista-se a rigor, e venha usufruir de um dia repleto”. A iniciativa inicia com um almoço medieval, cujos fundos reverterão a favor do Centro Pastoral. De seguida haverá um momento importante com o historiador João B. Serra que fará uma pequena palestra onde salientará os aspetos mais importantes e curiosos da data assinalada. Um espetáculo com uma banda medieval irá também animar a festa.

Este dia, segundo o grupo “Mãos à Obra”, tem como intuito enaltecer o passado mas simultaneamente viver o presente e projetar o futuro. Desta forma, pelas 16h30 terá lugar uma tertúlia com vários representantes dos atuais setores explorados pela vila, passando pela cultura, história, indústria e ainda voluntariado. Pelas 18h00 haverá dois momentos culturais com a Sociedade Filarmónica Catarinense e o Rancho Vale Choupinho. Durante toda a tarde haverá muita animação, não só danças medievais como jogos típicos da época.

A organização está a cabo do grupo voluntariado jovem “Mãos à Obra” que conta com o apoio da Junta de Freguesia de Santa Catarina e da Câmara Municipal de Caldas da Rainha. Contam com a participação de todos neste dia, para preservar a história e o património cultural da vila de Santa Catarina.

As inscrições para o almoço fazem-se através dos números: 917572 665 (Dionísio Querido) e 966667222 (José Rebelo)

?

Marlene Sousa

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Detido com faca de mato após zaragata no Parque

Um indivíduo de 26 anos foi detido pela PSP das Caldas da Rainha no Parque D. Carlos I quando tinha abandonado uma faca de mato, com uma lâmina com comprimento superior ao legalmente permitido, após ter estado envolvido numa zaragata com outro homem.

“Barcos com História” em exposição em Alfeizerão

“Barcos com História” é como se designa a exposição de modelismo estático de Aníbal Figueiredo que está patente até 31 de julho no espaço Baú das Memórias, em Alfeizerão.Trata-se de uma mostra de 17 miniaturas em madeira que representam barcos que de uma forma ou outra marcaram a história.

Barcos 1

Líder do PCP diz que a construção do novo hospital do Oeste é uma opção do Governo 

O secretário-geral do PCP, Paulo Raimundo, esteve na Festa de Verão do PCP, junto ao Penedo Furado, na Foz do Arelho, no passado dia 14, e disse que a construção do novo hospital do Oeste nesta legislatura é “uma questão de opção do Governo”. “Não me venham dizer que não há dinheiro, é mentira. São precisas opções”, afirmou.

PCP 1