Q

Previsão do tempo

22° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 25° C
  • Friday 32° C
22° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 25° C
  • Friday 33° C
23° C
  • Wednesday 23° C
  • Thursday 27° C
  • Friday 36° C

“J.C. Project” atua e grava CD no CCC

Inês Lopes

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O pequeno auditório do CCC (Centro Cultural e de Congressos de Caldas da Rainha) acolheu, no dia 2, cerca de 70 pessoas, para o concerto intimista do grupo “J.C. Project”.
Atuação do grupo “J.C.Project”

“J.C. Project” é um projeto que existe desde 2011 e que junta músicos do recente panorama do jazz português. Reunidos pelo saxofonista João Capinha, mentor do projeto, “J.C. Project” conta também com Paulo Santos (vibrofone), Sérgio Rodrigues (piano), Francisco Brito (contrabaixo) e Vasco Furtado (bateria). Cada elemento do grupo foi convidado a integrar e ser parte ativa do projeto pelas suas características enquanto instrumentistas e pela afinidade pessoal com o impulsionador do projeto. “Comecei por escrever alguns temas e interessar-me por composição e naturalmente convidei os restantes músicos para trabalharem comigo neste projeto”, disse João Capinha.

A maior parte dos temas são da autoria de João Capinha. “Os temas têm características diferentes, onde o fio condutor é a minha pessoa, viagens que fiz, vivências e aquilo que oiço”. “J.C. Project” integra, também, composições originais dos seus elementos, onde grande parte dos temas é trabalhado e definido em conjunto, ao longo dos ensaios.

As influências nas composições deste projeto vão desde o jazz mais tradicional (desde o bebop) até ao jazz dos dias de hoje, misturando-o com sonoridades recentes.

O concerto teve como objetivo, para além da apresentação do projeto ao público, a angariação de fundos para as despesas relacionadas com a gravação do CD, que decorreu nos dias 3 e 4 nas instalações do CCC. “A direção do CCC apoiou a 100% a gravação do CD bem como o concerto”, explicou o mentor do projeto.

Para além do concerto, o grupo “J.C. Project” recorreu ao crowdfunding (financiamento colaborativo), no dia 2 de janeiro, para angariar fundos para os gastos relativos ao CD, como masterização, trabalho gráfico, duplicação, afinação de piano e registo legal das obras. O crowdfunding é uma forma simples de angariação de fundos para um projeto de âmbito cultural através de uma comunidade online que partilha os mesmos interesses. Acedendo à Internet, em www.ppl.com.pt/pt/prj/jcproject, qualquer pessoa pode apoiar o projeto com montantes desde 1€. O objetivo do grupo é angariar no mínimo 1500€ até ao dia 17 de fevereiro.

João Capinha já conhecia o sistema do crowdfunding por já ter sido doador noutros projetos. “Na altura que quis avançar com o projeto achei que seria uma boa opção, até porque não consegui apoio de nenhuma instituição. Neste momento temos cerca de 800€ angariados, o que significa que o feedback do público tem sido positivo”, indicou.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Macroalga da costa de Peniche pode retardar envelhecimento da pele

Os extratos enriquecidos em florotaninos e outros componentes obtidos a partir de uma macroalga recolhida na costa de Peniche apresentam um marcado efeito inibidor sobre as enzimas colagenase e elastase, responsáveis pela degradação da matriz da pele e diretamente relacionadas com o processo de envelhecimento cutâneo, aponta uma investigação levada a cabo por uma equipa do MARE - Centro de Ciências do Mar e do Ambiente do Politécnico de Leiria. A investigação originou um pedido de patente, que foi agora aprovada pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial.

alga

Secretário-geral do PSD foi à Expotur apoiar o partido local

O secretário-geral do PSD, Hugo Soares, esteve na passada quinta-feira na Expotur - Festa de Verão, em Caldas da Rainha,onde sublinhou que “viemos dar o nosso apoio ao PSD de Caldas da Rainha”, adiantando que “recuperar esta CâmaraMunicipal para o partido é também...

hugo soares

Aluno da ESAD.CR quer promover música da região no Brasil

Marcelo Domingues, aluno de Gestão Cultural na Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha, está desenvolver um projeto para o mestrado, procurando mapear a cena musical em todo distrito de Leiria, com o objetivo de conectar e exportar a música desta região internacionalmente, em especial para o Brasil. 

rimel