Q

Previsão do tempo

21° C
  • Monday 29° C
  • Tuesday 31° C
  • Wednesday 26° C
22° C
  • Monday 30° C
  • Tuesday 33° C
  • Wednesday 27° C
22° C
  • Monday 35° C
  • Tuesday 37° C
  • Wednesday 31° C

Santana Lopes na festa de apresentação dos candidatos do PSD à Câmara de Óbidos

Marlene Sousa

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A festa de apresentação dos candidatos do PSD à Câmara de Óbidos, que encheu o Largo de São Marcos, nas Gaeiras, com centenas de militantes e simpatizantes, o cabeça de lista à autarquia, Humberto Marques, contou com o apoio de Pedro Santana Lopes.

Depois de reconhecer o trabalho de doze anos de Telmo Faria, que é agora candidato à Assembleia Municipal, Santana Lopes deixou uma nota pessoal. “Sou amigo de Telmo Faria. Já me apoiou em muitas candidaturas e muitos projetos autárquicos. Não quero deixar margem de dúvida que estou aqui por admiração pelo trabalho de Telmo Faria”, disse, convicto de que “Humberto Marques vai assumir um compromisso com o concelho”.

Santana Lopes recordou Telmo Faria como um autarca que “além da riqueza, colocou Óbidos na vanguarda das novas tecnologias com uma ligação à inovação e criatividade, juntamente com a aposta em eventos marcantes que trouxeram à vila milhares de turistas nacionais e estrangeiros”.

O ex-primeiro-ministro, que tem andado pelo país nas campanhas das eleições autárquicas, diz que em Óbidos sente “a comunhão do projeto e uma transição feliz”. “Ninguém pode fazer o trabalho de outrem. Humberto Marques que é agora candidato tem que ganhar por si e fazer o trabalho por si e ele sabe fazê-lo, ganhando também direito ao reconhecimento do modo como trabalhou como elemento da equipa de Telmo Faria ao longo destes anos”, adiantou Santana Lopes.

Humberto Marques contou ainda com o apoio de Feliciano Barreiras Duarte, presidente da Assembleia Municipal de Óbidos e deputado na Assembleia da República, que também elogiou o trabalho da equipa liderada por Telmo Faria, fazendo um balanço muito positivo. “Ao iniciar o novo ciclo temos de aproveitar o que foi feitos nestes doze anos e estou de alma e coração na candidatura de Humberto Marques, que é único candidato preparado e com condições para continuar o projeto”, afirmou.

O mandatário político da candidatura de Humberto Marques, o ex-ministro Nuno Morais Sarmento disse que “não vim fazer um discurso de apoio inflamado mas sim dar o testemunho de um trabalho exemplar que foi feito pela equipa de Telmo Faria”. Nuno Morais Sarmento comparou a situação do concelho com a que existia em 2001, recordando que em setembro em 2000, também nas altura das festas das Gaeiras, falou com o seu amigo Telmo Faria, que não se “conformava viver numa terra que estava parada e adormecida”.

“Doze anos depois, quando recordo esse momento, vejo o caminho de Telmo, Humberto, Pedro Félix e todos os outros que conseguiram fazer a diferença”, disse o ex-ministro, acrescentando que “comparar o Óbidos de hoje com o Óbidos de 2000 é como se estivesse a ver uma televisão a cores e passar-se outra vez para preto e branco”.

Muito aplaudido, elogiado e homenageado, Telmo Faria, ainda presidente do Município de Óbidos, despediu-se pedindo à população que “não desperdice o seu esforço e trabalho destes últimos anos e votem no Humberto Marques, que é o único candidato que tem capacidade para continuar um projeto tão exigente”. “O PS foi buscar um jovem simpático candidato à Câmara, mas que não tem nenhuma experiência, não sabe o que é uma Câmara e anda a dizer que não está por dentro e que se vai aconselhar com aquele que foi o vereador do bota abaixo, o eng. Machado, que criou problemas em tudo e que não conseguiu perceber os resultados eleitorais duas vezes seguidas nos últimos oito anos”, comentou Telmo Faria. O autarca diz que não consegue imaginar Bernardo Rodrigues “a fazer uma reunião com um ministro ou a coordenar um trabalho com técnicos superiores”, reconhecendo a experiência e capacidade de Humberto Marques, que já o representou em muitas ocasiões.

Telmo Faria recordou a sua candidatura ao Município de Óbidos pela primeira com apenas 29 anos. “Prometi-vos um concelho melhor, era uma proposta simples e foi à volta dessa simplicidade que construímos mais do que pensávamos que iriamos fazer”, sublinhou o autarca, adiantando que aumentaram “a riqueza e o investimento privado, conseguindo perto de 200 milhões de euros em investimento em todo o concelho, numa viragem e ideia de desenvolvimento”.

Experiência, continuidade, criatividade e dinamismo foram as palavras-chave de Humberto Marques, que elogiou os candidatos das suas listas, que serão o seu “braço direito para ajudar a construir o futuro de Óbidos”.

Elogiou o trabalho de Telmo Faria e garantiu que não vai desperdiçar “todo o trabalho que fizeram”, pedindo ao presidente de Câmara que continue “a preocupar-se com o concelho e a fazer a dupla imbatível que fizemos nos oito anos”.

Humberto Marques lembrou as palavras de Cristina Rodrigues, líder da bancada do PS na Assembleia Municipal de Óbidos, e irmã do candidato do Partido Socialista à autarquia na passada sexta-feira, na última assembleia municipal deste mandato, quando disse que Telmo Faria tinha sido “um presidente de Câmara notável”. “O povo já sabia, mas o que eu ainda não sabia era a coragem dessa líder do PS em reconhecer uma única vez que Telmo Faria tinha sido notável, apesar de ter pedido por diversas vezes a sua e minha perda de mandato”, sublinhou o candidato do PSD a Óbidos.

“Não podemos ter um presidente de Câmara sem experiência e sem conhecimento dos dossiers quando vamos ter um novo Quadro de Referência Estratégica no próximo ano. Isso significaria ‘perder o comboio’ e meter Óbidos a voltar para trás”, afirmou Humberto Marques, lembrando que recentemente o executivo conseguiu garantir um financiamento de 13 de milhões de euros de fundos comunitários para obras no concelho.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Mural no Bairro da Ponte está a ser pintado por crianças

O muro da ponte sobre o caminho de ferro que une as duas freguesias da cidade das Caldas da Rainha, no Bairro da Ponte, está agora a ser utilizado como espaço criativo para as crianças pintarem, englobadas em atividades de ATL.

mural 1

Detido com faca após zaragata no Parque

Um indivíduo de 26 anos foi detido pela PSP das Caldas da Rainha no Parque D. Carlos I quando tinha abandonado uma faca de mato, com uma lâmina com comprimento superior ao legalmente permitido, após ter estado envolvido numa zaragata com outro homem.

parque1 1

Líder do PCP diz que a construção do novo hospital do Oeste é uma opção do Governo 

O secretário-geral do PCP, Paulo Raimundo, esteve na Festa de Verão do PCP, junto ao Penedo Furado, na Foz do Arelho, no passado dia 14, e disse que a construção do novo hospital do Oeste nesta legislatura é “uma questão de opção do Governo”. “Não me venham dizer que não há dinheiro, é mentira. São precisas opções”, afirmou.

PCP 1