Q

Previsão do tempo

15° C
  • Monday 18° C
  • Tuesday 20° C
  • Wednesday 22° C
15° C
  • Monday 18° C
  • Tuesday 20° C
  • Wednesday 23° C
15° C
  • Monday 19° C
  • Tuesday 22° C
  • Wednesday 25° C

PCP realizou Festa de verão na Foz do Arelho

Francisco Gomes

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O PCP realizou a Festa de verão no passado domingo, nas margens da Lagoa, no pinhal junto ao Penedo Furado. Depois do almoço, com sardinhas assadas e carnes grelhadas, em que participaram cerca de cem militantes e simpatizantes, foram apresentadas as duas candidatas à União de Freguesia de Nossa Senhora do Pópulo, Coto e São Gregório – Ana Rebelo, e União das Freguesias de Santo Onofre e Serra do Bouro - Isilda Roberto.
Vítor Fernandes, Ana Rebelo, Ângelo Alves e José Carlos Faria

José Carlos Faria, cabeça de lista da CDU à Câmara, começou por falar da poluição e necessidade de dragagem na Lagoa de Óbidos. Outros aspetos focados foram as freguesias rurais, o termalismo, a cerâmica e o comércio.

O candidato criticou “o aspeto de degradação urbana que decorre de três mil fogos desabitados na cidade” e à “forma inacreditável como ao fim de trinta anos de poder local, com maioria absoluta, a Etar tenha uma capacidade de tratamento que não chega aos 50 por cento”.

Para o comunista, o executivo PSD deixa “uma herança desastrosa para o concelho, com um desordenamento e um crescimento urbano sem regras”.

Ângelo Alves, da comissão política do Comité Central do PCP, apontou que o país vive “um momento muito complexo”. “Estamos a passar dois anos de aplicação do memorando de entendimento das troikas, o pacto de agressão, como chamámos, e também dois anos do exercício deste (des)Governo de coligação PSD/CDS. É um balanço negro e assustador, e que nos demonstra até onde pode ir destruição do país”, comentou.

“Temos hoje um milhão e meio de pessoas sem trabalho, redução de quase dez por cento nos salários, 37% da população em risco de pobreza. Temos crianças que vão para a escola com fome”, sublinhou.

“O quadro traçado é suficiente para correr com este Governo, porque falhou”, disse Ângelo Alves, para quem “a solução dos problemas do país está do lado do povo”.

As críticas estenderam-se ao Presidente da República: “Cavaco Silva pode dar as voltas que quiser à Constituição, mas uma coisa não pode esconder, que é que este Governo está morto e não tem credibilidade e esta política está a levar o país para o abismo”.

A dissolução da Assembleia da República e a convocação de eleições antecipadas foram medidas reclamadas por dirigente.

“O PS anda a navegar à vista consoante o vento. Só pensa nas eleições autárquicas e no seu resultado. Quanto mais tempo este Governo se mantiver no poder, para o PS melhor. Mas o PS não tem uma real alternativa à política do PSD e o do CDS”, afirmou Ângelo Alves.

No final do evento foi anunciada a ida a Peniche do presidente do partido, Jerónimo de Sousa, para um almoço no dia 21 de julho.

Com música de Carlos Vicente, festa contou ainda com venda de produtos agrícolas.

Francisco Gomes

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Estudantes visitam Paul de Tornada

A Associação PATO recebeu duas turmas da Escola Secundária Raul Proença, que realizaram um conjunto de atividades de voluntariado, explorando a Reserva Natural do Paul de Tornada numa visita guiada, contribuíram para o nascimento de um jardim sensorial e efetuaram ainda uma monitorização ambiental na Lagoa de Óbidos com o Projeto Coastwatch, recolhendo muito lixo marinho.

pato

Jovens portugueses e finlandeses em intercâmbio

Entre os dias 1 e 8 de abril, a Associação Juvenil de Peniche foi palco de um intercâmbio sob a temática da arte e sustentabilidade. O evento recebeu a participação de doze jovens, de Portugal e Finlândia, com idades entre os 15 e os 25 anos.

intercambio

Curso Avançado de Produção de Microalgas e Cultivos Auxiliares

O MARE - Politécnico de Leiria e a Escola Superior de Turismo e Tecnologias do Mar, em Peniche, vão promover uma nova edição do Curso Avançado de Produção de Microalgas e Cultivos Auxiliares, que pretende dar a conhecer as espécies de microalgas cultivadas em laboratório, métodos de cultivo, potencialidades como recursos marinhos, sistemas de produção, e os cultivos auxiliares que beneficiam e cujo valor nutricional pode ser modelado através da alimentação com microalgas. As inscrições estão abertas até dia 27 de maio.