Q

Previsão do tempo

14° C
  • Friday 18° C
  • Saturday 20° C
  • Sunday 19° C
14° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 20° C
  • Sunday 19° C
15° C
  • Friday 17° C
  • Saturday 22° C
  • Sunday 21° C

Novos modelos Opel na STA auto

Francisco Gomes

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A STA auto realizou entre 18 e 21 de abril um fim de semana de portas abertas nas suas instalações na Estrada de Tornada, nas Caldas da Rainha, para exibir os novos Opel Mokka e Opel Adam.
Opel Adam

O Mokka, o novo SUV da Opel, é a primeira entrada da marca num segmento que tem registado rápido crescimento.

Apesar de ter apenas 4,28 metros de comprimento, o novo Mokka oferece um habitáculo espaçoso para cinco pessoas, sentadas em posição relativamente elevada. O modelo faz jus à filosofia da Opel de aliar design moderno a funcionalidade e a tecnologias inovadoras. Inclui faróis direcionais adaptativos, suporte integrado para bicicletas e bancos ergonómicos. Dos sistemas destinados a conferir maior conforto e segurança à condução merecem destaque o controlo de estabilidade eletrónico, o controlo de tração e os sistemas de ajuda ao arranque em subidas e de controlo de estabilidade em descidas. Além da tração às rodas dianteiras, o Mokka pode estar equipado com transmissão integral ‘inteligente’, que transfere automaticamente potência para as rodas traseiras quando é necessário obter maior capacidade de tração.

O acesso à gama de motores a gasolina é feito através do 1.6 ‘atmosférico’ com 115 cv de potência e 155 Nm de binário, que consome 6,5 l/100 km e emite 153 g/km de CO2. Segue-se o 1.4 Turbo com 140 cv e 200 Nm de binário, que atinge uma velocidade máxima de 190 km/h e acelera de 0 a 100 km/h em 9,9 segundos. O consumo de combustível no ciclo combinado é de 6,4 l/100 km, equivalendo a emissões de 149 g/km de CO2.O Mokka está também disponível com motor turbodiesel 1.7 CDTI com 130 cv (96 kW) e 300 Nm de binário máximo, com consumos de apenas 4,5 l de gasóleo aos 100 km no ciclo combinado (119 g/km de CO2). Esta mesma versão do Mokka consegue atingir 187 km/h de velocidade máxima, acelerando de 0 a 100 km/h em apenas 10,5 segundos.

O sistema FCA alerta o condutor com avisos sonoro e visual numa situação crítica de colisão iminente com o veículo da frente. O aviso de saída de faixa alerta o condutor se este, inadvertidamente, sair da faixa de rodagem. Os engenheiros da Opel aperfeiçoaram também o sistema de deteção de sinais de trânsito que, além de sinais circulares, passa também a reconhecer sinais retangulares como os das autoestradas e sinais de limitação de velocidade a uma distância de 60 metros. O sistema consegue ainda ler painéis dinâmicos de LED. Todos estes dispositivos tecnológicos contribuem para evitar infrações de trânsito ou acidentes causados pela fadiga do condutor.

Os preços iniciam-se em 21.720 euros para a versão 1.6 Cosmo de tração dianteira. A opção turbodiesel 1.7 CDTI Cosmo com transmissão às rodas da frente é proposta por 25.470 euros.

O Opel Adam é o citadino ‘chique’ da marca. De dimensões compactas, mede 3,70 metros de comprimento e 1,72 metros de largura. Tratando-se de um jovial dois volumes de três portas, no habitáculo, tem lotação para quatro pessoas.

O novo sistema de comunicação, informação e entretenimento a bordo, IntelliLink, integra o smartphone do proprietário no sistema do automóvel. Outros equipamentos, ideais para o ambiente urbano, são o sistema de estacionamento automático de nova geração, o alerta de ângulo cego lateral e o sistema de direção assistida.

Oferece à escolha dois motores económicos 1.2 de 70 cv e 1.4 de 100 cv, ambos a gasolina.

Todos os Adam estão equipados de série com ar condicionado, volante forrado a couro, programador de velocidade, computador de bordo, espelhos de regulação elétrica, vidros elétricos, fecho centralizado de portas e jantes em liga leve, entre muitos outros. Também no capítulo da segurança a lista de equipamento de série do Adam é muito extensa, integrando, por exemplo, programa eletrónico de estabilidade, sistema de travagem antibloqueio, airbags frontais, airbags laterais e airbags de cortina.

O sistema Start/Stop, que desliga automaticamente o motor quando o automóvel está parado representa um considerável contributo para a economia de combustível, especialmente na cidade. A média de consumo misto do Adam 1.2 de 70 cv fixa-se em apenas 5,0 l/100 km e a do Adam 1.4 de 100 cv em 5,1 l/100.

O Adam 1.2 Jam é proposto por 13.995 euros. Com motor 1.4, os preços iniciam-se em 15.295 euros.

Francisco Gomes

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Feriado municipal celebrado com a população

Foi em frente ao Hospital Termal, no largo Rainha D. Leonor, que os dois principais representantes políticos do concelho, os presidentes da Assembleia e da Câmara Municipal, se dirigiram à população para evocar o Dia da Cidade e a sua fundadora.

15demaioHTermal3

Festas da Cidade com três concertos

Foram três noites com uma seleção musical muito eclética, da música clássica às cantigas em crioulo, que preencheram o programa das Festas da Cidade de 2024.

concerto1

ACCCRO inaugurou espaço de projeto “Aceleradoras Digitais”

A ACCCRO – Associação Empresarial das Caldas da Rainha e Oeste inaugurou no dia 14 de maio o seu novo espaço dedicado ao projeto “Acelerar 2030 – Para um Centro Mais Digital”, liderado pelo Conselho Empresarial do Centro e Câmara de Comércio e Indústria do Centro.

aceleradoraACCCRO