Q

Previsão do tempo

15° C
  • Monday 17° C
  • Tuesday 19° C
  • Wednesday 22° C
15° C
  • Monday 18° C
  • Tuesday 20° C
  • Wednesday 23° C
15° C
  • Monday 19° C
  • Tuesday 22° C
  • Wednesday 25° C

Cortes na Educação colocam em causa a Associação PATO

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Após 15 anos de actividades com um professor destacado pelo Ministério da Educação, na Associação de Defesa do Paul de Tornada – PATO, para a coordenação e dinamização de Projectos de Educação Ambiental, o Ministério da Educação inviabilizou a continuidade deste trabalho. Desta forma, o apoio directo às escolas e jardins-de-infância do concelho das Caldas […]
Cortes na Educação colocam em causa a Associação PATO

Após 15 anos de actividades com um professor destacado pelo Ministério da Educação, na Associação de Defesa do Paul de Tornada – PATO, para a coordenação e dinamização de Projectos de Educação Ambiental, o Ministério da Educação inviabilizou a continuidade deste trabalho. Desta forma, o apoio directo às escolas e jardins-de-infância do concelho das Caldas da Rainha e regiões limítrofes para projectos e actividades de Sensibilização e Educação Ambiental está posto em causa, pela falta de recursos humanos e financeiros. “Lamentamos toda esta situação e manifestamos o nosso total desagrado por medidas implementadas com base em cortes “cegos” que deixam cair por terra o trabalho e o investimento de tantos anos”, declara Hélder Cardoso, presidente da Associação PATO. A Associação PATO é uma associação não governamental sem fins lucrativos, fundada em 1988, que luta pela preservação e divulgação do Paul de Tornada, localizada a cerca de cinco quilómetros das Caldas da Rainha. Fundada legalmente em Outubro de 1988, tem ao longo destes anos de existência lutado pela preservação e recuperação ecológica do Paul de Tornada, procurando aliados junto da população local e sensibilizando e alertando as autoridades locais, nacionais e internacionais. Para além deste objectivo, a PATO tem procurado ser uma voz interveniente e atenta aos problemas ecológicos e ambientais da região, pronunciando-se, tomando posições públicas, denunciando e alertando, e procurando contribuir para uma maior consciencialização da população em geral, tendo como único objectivo o Desenvolvimento Sustentável desta região. As acções de sensibilização e educação ambiental têm desempenhado um papel fundamental na actividade da associação, privilegiando o contacto com a natureza e as acções directas com a população (escolar e não escolar). A Associação tem dedicado igualmente parte dos seus esforços aos estudos ecológicos e de caracterização e inventariação de espécies do Paul de Tornada e de outros espaços naturais na região. A partir do final de 1997, e após a celebração de um contrato de arrendamento do Paul de Tornada, a Associação PATO passou a ser responsável pela gestão desta Zona Húmida. No dia 2 de Julho de 2009 foi oficialmente criada a Reserva Natural Local do Paul de Tornada, através da publicação em Diário da República, passando esta importante zona húmida a integrar a Rede Nacional de Áreas Protegidas. Está classificada como Sitio Ramsar desde 2001, para a conservação e nidificação de muitas espécies dependentes destes habitats. É uma das poucas zonas apaludadas existentes na região, o que faz com que assuma um papel relevante no contexto de conservação das espécies características destes habitats. O Paul possui uma área de cerca de 45 ha, 25 ha dos quais permanentemente alagados. O símbolo da Reserva é a Lontra, sendo esta uma das espécies existentes no Paul de Tornada. Pretende-se que este seja um espaço de visitação por parte do público em geral, já que pelas suas características a Reserva constitui um local privilegiado para a prática de Educação Ambiental e conservação da Natureza. Francisco Gomes

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Estudantes visitam Paul de Tornada

A Associação PATO recebeu duas turmas da Escola Secundária Raul Proença, que realizaram um conjunto de atividades de voluntariado, explorando a Reserva Natural do Paul de Tornada numa visita guiada, contribuíram para o nascimento de um jardim sensorial e efetuaram ainda uma monitorização ambiental na Lagoa de Óbidos com o Projeto Coastwatch, recolhendo muito lixo marinho.

pato

Jovens portugueses e finlandeses em intercâmbio

Entre os dias 1 e 8 de abril, a Associação Juvenil de Peniche foi palco de um intercâmbio sob a temática da arte e sustentabilidade. O evento recebeu a participação de doze jovens, de Portugal e Finlândia, com idades entre os 15 e os 25 anos.

intercambio

Curso Avançado de Produção de Microalgas e Cultivos Auxiliares

O MARE - Politécnico de Leiria e a Escola Superior de Turismo e Tecnologias do Mar, em Peniche, vão promover uma nova edição do Curso Avançado de Produção de Microalgas e Cultivos Auxiliares, que pretende dar a conhecer as espécies de microalgas cultivadas em laboratório, métodos de cultivo, potencialidades como recursos marinhos, sistemas de produção, e os cultivos auxiliares que beneficiam e cujo valor nutricional pode ser modelado através da alimentação com microalgas. As inscrições estão abertas até dia 27 de maio.