Q

Previsão do tempo

25° C
  • Friday 25° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 22° C
25° C
  • Friday 26° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 22° C
27° C
  • Friday 28° C
  • Saturday 27° C
  • Sunday 24° C

Alegados cortes no apoio pode aumentar número de toxicodependentes

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O número de toxicodependentes pode vir a aumentar no concelho de Peniche face aos cortes na intervenção da equipa local de tratamento do Instituto da Droga e da Toxicodependência (IDT), denunciou a associação Acompanha. “Tememos que se verifique um aumento dos toxicodependentes e que se agrave a situação social e de dependência em Peniche”, afirmou […]

O número de toxicodependentes pode vir a aumentar no concelho de Peniche face aos cortes na intervenção da equipa local de tratamento do Instituto da Droga e da Toxicodependência (IDT), denunciou a associação Acompanha. “Tememos que se verifique um aumento dos toxicodependentes e que se agrave a situação social e de dependência em Peniche”, afirmou à agência Lusa a coordenadora da Acompanha – Cooperativa de Solidariedade Social de Peniche, responsável pelo desenvolvimento no concelho de programas de prevenção e de tratamento da toxicodependência e da SIDA. A organização denunciou que o IDT “reduziu drasticamente” no concelho a intervenção da equipa de tratamento, uma vez que o médico e outros técnicos deixam de efectuar visitas diárias aos utentes e passam a fazê-lo uma vez por semana. Dada a escassez de meios, deixam de tomar a metadona na presença dos técnicos e levam para casa e muitos “têm de se deslocar para Caldas da Rainha ou Torres Vedras, o que não promove a adesão ao tratamento”. O IDT, através do responsável da Delegação Regional de Lisboa e Vale do Tejo, António Maia, esclareceu à Lusa que “não está previsto o encerramento de qualquer uma das unidades na região Oeste”, uma das quais existe em Peniche, mas admitiu “ajustamentos” dos serviços. De acordo com o IDT, o Oeste continua a ser uma região “prioritária” a intervir tendo em conta as características de maior dispersão da região e reconhecendo a necessária “proximidade” das respostas. Contudo, admitiu que a actual conjuntura financeira do país está a contribuir para a “forte contracção de meios”. Neste sentido, tem vindo a ser adoptada uma “estratégia de reestruturação do serviço que passa pela concentração de respostas e ajustamentos na rede de serviços regionais”, sem admitir que houve uma redução de meios em Peniche. Dados da Acompanha dão conta que 468 toxicodependentes foram acompanhados pelos técnicos do projecto “Porto Mais Seguro” desta organização entre 2009 e Setembro de 2010 e 290 pela equipa de tratamento do IDT durante o ano de 2009.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

“Barcos com História” em exposição em Alfeizerão

“Barcos com História” é como se designa a exposição de modelismo estático de Aníbal Figueiredo que está patente até 31 de julho no espaço Baú das Memórias, em Alfeizerão.Trata-se de uma mostra de 17 miniaturas em madeira que representam barcos que de uma forma ou outra marcaram a história.

Barcos 1

Líder do PCP diz que a construção do novo hospital do Oeste é uma opção do Governo 

O secretário-geral do PCP, Paulo Raimundo, esteve na Festa de Verão do PCP, junto ao Penedo Furado, na Foz do Arelho, no passado dia 14, e disse que a construção do novo hospital do Oeste nesta legislatura é “uma questão de opção do Governo”. “Não me venham dizer que não há dinheiro, é mentira. São precisas opções”, afirmou.

PCP 1

Novo presidente do Rotary quer ajudar os bombeiros com a compra de aparelhos respiratórios

O empresário Luiz Gomes assumiu, no passado dia 8, a liderança do Rotary Club das Caldas da Rainha, sucedendo na função a Hélia Silva na cerimónia de transmissão de tarefas que decorreu no restaurante “A Lareira”, com o lema “A Magia do Rotary”, numa alusão à capacidade que cada rotário tem em melhorar a comunidade onde se enquadra.

presidente 1