Q

Previsão do tempo

21° C
  • Saturday 22° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 24° C
21° C
  • Saturday 22° C
  • Sunday 24° C
  • Monday 24° C
21° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 25° C
  • Monday 26° C

Opinião

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Fechar o Parque da Mata é crime! E os cidadãos, pá? E os clubes, pá? Por decisão dos Administradores do Centro Hospitalar Oeste Norte (CHON), foi fechado o portão do Parque da Mata, impedindo o acesso via automóvel ao mesmo. O município foi informado – e apenas isso – de que esta medida iria ser […]
Opinião

Fechar o Parque da Mata é crime! E os cidadãos, pá? E os clubes, pá? Por decisão dos Administradores do Centro Hospitalar Oeste Norte (CHON), foi fechado o portão do Parque da Mata, impedindo o acesso via automóvel ao mesmo. O município foi informado – e apenas isso – de que esta medida iria ser tomada por decisão da Administração do CHON, a partir do dia 1 de Julho. À partida, muitos dos leitores poderão pensar “lá estão outros que querem estacionar em cima do pavilhão, como aqueles indivíduos que vão às compras e querem estacionar dentro da loja, se possível”. Mas a questão não é essa: – Crianças em particular, atletas em geral, que vão para os treinos com familiares, agora terão, desnecessariamente, de procurar estacionamento fora do Parque da Mata, muitos provavelmente junto à estrada, aumentando a probabilidade de acidentes e atropelamentos, pois prevê-se muito estacionamento caótico naquela zona, além de ficarem sujeitos a multa; – Não há razão nenhuma para este fecho, visto que quem usufrui do espaço o faz civilizadamente, pois não há qualquer sinal de vandalismo ou deterioração do parque, fazendo crer que os cidadãos estão a ser expulsos de um espólio que, afinal, é seu, pois Caldas da Rainha começou com o Hospital Termal que a Rainha construiu para os mais necessitados e o próprio Parque foi feito para os caldenses; – O que nos leva à questão seguinte: será que mais tarde, se ninguém fizer nada neste momento, a entrada no Parque da Mata passará a ser paga? Será que querem acabar com os clubes que treinam no Pavilhão da Mata para ficarem com o espaço para outros objectivos económicos escondidos? – Não havendo estacionamento suficiente nas redondezas, é um golpe brutal nas já difíceis condições de treino dos clubes, pois não bastava o Pavilhão Municipal da Mata estar em más condições, agora querem que as pessoas, desnecessariamente, estacionem longe para usufruir de um espaço que deveria ser público? Esta situação é uma afronta aos caldenses que estão a ser espoliados do seu Património. A Câmara Municipal não pode ter um papel passivo nesta matéria, pois se já houve intervenções municipais – e bem – noutras áreas como o emprego, empresas estrategicamente importantes para o concelho e de salvação de fenómenos culturais, também agora se exige a sua intervenção. O Executivo Camarário foi eleito para defender os interesses dos munícipes, e a ausência de uma intervenção directa neste caso, significará que o Parque da Mata, o Pavilhão da Mata e o Campo da Mata não são importantes para o município. Apelamos à revogação desta decisão, voltando o Parque da Mata a estar aberto para receber todos os queiram desfrutar de um magnífico espaço verde, com livre acesso aos espaços desportivos que ali existem. Desporto é Vida, por favor, não cortem o acesso ao que, até agora, faz parte da qualidade de vida do Cidadãos, sem custos! Como Presidente do Hóquei Clube das Caldas e como Cidadão, não me calarei nesta situação e incentivarei à demonstração pública da indignação que nos atormenta, com abaixo-assinados, em reuniões com os responsáveis pela decisão, não permitindo que caia no esquecimento. E levarei esta questão, as vezes que forem necessárias, à Assembleia Municipal, pois estou disposto a lutar pelos interesses dos caldenses, assumindo a responsabilidade dos meus actos, sabendo que esta é uma causa nobre. Presidente do Hóquei Clube das Caldas – Jorge Santos

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Obras arrancam em setembro no Centro de Saúde de Óbidos

Foi assinado no dia 10 de agosto, no Centro de Saúde de Óbidos, o auto de consignação da requalificação da unidade de saúde. Trata-se de um investimento de 473.991,83€ (acrescido do valor do IVA) e com um prazo de construção de dez meses. A cerimónia contou com a presença do executivo municipal de Óbidos, do diretor executivo do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Oeste Norte, João Gomes, e de João Soares, gerente da Sunever Engenharia, Lda, empresa que vai realizar a obra.

centro

Nadadouro com nove dias de animação

De 29 de julho a 6 de agosto realizou-se no Nadadouro, nas Caldas da Rainha, a festa em honra de Nossa Senhora do Bom Sucesso, habitualmente uma das iniciativas mais concorridas fora da sede do concelho.

animacao

Lavadouro embelezado

A Junta de Freguesia do Nadadouro requalificou o lavadouro, construído em 1980, e transformou-o num verdadeiro tributo às lavadeiras da localidade.

lavadouro