Q

Previsão do tempo

8° C
  • Saturday 8° C
  • Sunday 9° C
  • Monday 10° C
9° C
  • Saturday 9° C
  • Sunday 9° C
  • Monday 10° C
9° C
  • Saturday 9° C
  • Sunday 9° C
  • Monday 10° C

EDP prolonga fornecimento de energia nas mini docas da Foz

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Os proprietários dos bares e quiosques das mini docas da Foz do Arelho podem ficar descansados até ao início do próximo ano, uma vez que a EDP adiou a retirada dos contadores de obra na zona. Este problema surge depois da EDP ter enviado mais uma carta em que solicitava aos proprietários dos bares para […]
EDP prolonga fornecimento de energia nas mini docas da Foz

Os proprietários dos bares e quiosques das mini docas da Foz do Arelho podem ficar descansados até ao início do próximo ano, uma vez que a EDP adiou a retirada dos contadores de obra na zona. Este problema surge depois da EDP ter enviado mais uma carta em que solicitava aos proprietários dos bares para apresentarem a licença de utilização dos espaços, uma vez que tem contadores de obra. “Vimos por este meio lembrar que a licença de construção apresentada no acto de celebração do contrato de fornecimento de energia eléctrica para obras, relativo à instalação de um PT provisório, caduca a 31 de Março de 2011”, escreve a EDP numa missiva enviada a todos os proprietários. Na mesma carta a EDP aponta que “caso tenha sido concedida a renovação do prazo de validade da licença, devem apresentá-la para se proceder à renovação do contrato e dar continuidade ao fornecimento de energia eléctrica”. Acontece que os bares não estão em obra e quem pediu a licença terá sido o Ministério do Ambiente, que alugou os espaços aos proprietários dos bares, mas nunca deu licença aos mesmos e estes para funcionarem usam um contador de obra. O processo administrativo entretanto terá passado para a Câmara, mas os serviços da autarquia ainda não recepcionaram todo o processo devido ao projecto de requalificação daquela zona e das arribas e Avenida do Mar. “Na hipótese de terem terminado as obras a que se refere o contrato, poderá solicitar uma ligação definitiva para o abastecimento e celebração do respectivo contrato de fornecimento de energia eléctrica”, diz a EDP. Em tom de ameaça, a EDP adverte que “em falta de resposta será considerada como manifestação da vontade de não proceder à renovação do contrato, facto esse que dará origem à rescisão do mesmo e à interrupção do fornecimento de energia eléctrica”. A proprietária de um bar apresentou-se nos serviços da EDP e conseguiu que a empresa continue a fornecer energia até ao início de 2012, altura em que se prevê que a Câmara tome posse administrativa do espaço e assim os proprietários dos bares e quiosques tenham onde se dirigir, falar e reclamar alguma manutenção da área já que o Ministério do Ambiente e agora a Administração Hidrográfica do Tejo, quase só recebem a renda e licenças referentes à exploração. Carlos Barroso

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Procissão das chouriças

Decorreram entre 20 e 22 de janeiro, em Valado dos Frades, na Nazaré, as Festas em Honra de São Sebastião, tendo o ponto alto sido a procissão, em que participaram dezenas de grupos com os seus andores de oferendas e devoção religiosa, e o famoso leilão das...

chouricas

Óbidos no Congresso Nacional de Desporto

No passado dia 23 de janeiro realizou-se em Barcelos o Congresso Nacional de Municípios Amigos do Desporto, com a participação de 167 autarquias, entre as quais a de Óbidos, tendo sido partilhadas algumas práticas de programas desenvolvidos em diferentes...

congresso

7.ª Entrega de “Kits Recém-Nascido”

Decorreu no passado dia 16, no Auditório dos Paços do Concelho do Cadaval, a sétima entrega de Kits Recém-Nascido, no âmbito do projeto "Oeste +Grávida". A cerimônia contou com a presença do presidente da Câmara Municipal, José Bernardo Nunes, e de Carla Serrenho...

kit