Q

Previsão do tempo

22° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 21° C
  • Monday 28° C
22° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 22° C
  • Monday 30° C
23° C
  • Saturday 24° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 34° C

“As Notas da República” apresentado em Leiria

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Depois de ser lançado no dia 14 de Dezembro na Loja da Comissão para as Comemorações do Centenário da República, em Lisboa, o livro “As Notas da República”, da autoria de Luis Tudella, vai ser apresentado no dia 16 de Janeiro na FNAC, no LeiriaShopping. O livro tem a chancela da Caldas Editora, o apoio […]
As Notas da República apresentado em Leiria

Depois de ser lançado no dia 14 de Dezembro na Loja da Comissão para as Comemorações do Centenário da República, em Lisboa, o livro “As Notas da República”, da autoria de Luis Tudella, vai ser apresentado no dia 16 de Janeiro na FNAC, no LeiriaShopping. O livro tem a chancela da Caldas Editora, o apoio da Caixa de Crédito Agrícola de Caldas da Rainha, Óbidos e Peniche, e o alto patrocínio da Comissão para as Comemorações do Centenário da República. São 240 páginas totalmente a cores que contêm todas as notas emitidas e circuladas no período da República (1911 a 2001), até ao aparecimento do euro. Além das imagens das notas e dos seus dados técnicos, tem um resumo histórico das personalidades epigrafadas nas notas. Resulta da publicação de crónicas sobre a temática publicadas no JORNAL DAS CALDAS. “A Caldas Editora tem o prazer e o privilégio de apresentar uma obra de interesse nacional, no ano das comemorações do Centenário da República. O seu autor, Luís Manuel Tudella, deu um contributo valioso à história do papel-moeda nacional, recordando as figuras de relevo que emprestaram a sua imagem às nossas notas, geração após geração”, escreve António Salvador, em nome da editora. “Aos amantes da numária, a Caldas Editora convida-os a descobrir um pouco da História de Portugal, através das figuras que foram rosto das Notas da República”, manifesta. Luis Tudella nasceu em Leiria. Em 1973 fez parte da equipa que abriu o primeiro banco em Óbidos (Banco do Alentejo). Foi gerente do Banco Fonsecas e Burnay e do BPI em Óbidos até à sua aposentadoria. Colaborou nas acções de formação “Preparação para a Moeda Única”, na AIRO – Associação Industrial da Região Oeste, e “A moeda denominada ‘Euro’”, no Bombarral, destinadas ao ensino recorrente. Na Biblioteca Afonso Lopes, em Vieira em Leiria, exibiu a exposição de numismática “Do Escudo ao Euro”, “A História da Moeda ao Longo dos Séculos” e “Papéis de Crédito “O cheque”. Na cidade de Bragança teve a exposição de numismática “O Euro”. Escreve para o JORNAL DAS CALDAS e para a Revista o Bancário artigos de numismática, o papel-moeda. Francisco Gomes

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Detido com faca de mato após zaragata no Parque

Um indivíduo de 26 anos foi detido pela PSP das Caldas da Rainha no Parque D. Carlos I quando tinha abandonado uma faca de mato, com uma lâmina com comprimento superior ao legalmente permitido, após ter estado envolvido numa zaragata com outro homem.

“Barcos com História” em exposição em Alfeizerão

“Barcos com História” é como se designa a exposição de modelismo estático de Aníbal Figueiredo que está patente até 31 de julho no espaço Baú das Memórias, em Alfeizerão.Trata-se de uma mostra de 17 miniaturas em madeira que representam barcos que de uma forma ou outra marcaram a história.

Barcos 1

Líder do PCP diz que a construção do novo hospital do Oeste é uma opção do Governo 

O secretário-geral do PCP, Paulo Raimundo, esteve na Festa de Verão do PCP, junto ao Penedo Furado, na Foz do Arelho, no passado dia 14, e disse que a construção do novo hospital do Oeste nesta legislatura é “uma questão de opção do Governo”. “Não me venham dizer que não há dinheiro, é mentira. São precisas opções”, afirmou.

PCP 1