Q

Previsão do tempo

8° C
  • Tuesday 12° C
  • Wednesday 9° C
  • Thursday 13° C
8° C
  • Tuesday 12° C
  • Wednesday 9° C
  • Thursday 13° C
8° C
  • Tuesday 12° C
  • Wednesday 9° C
  • Thursday 13° C

Margarida Reis

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Uma atleta do Sporting das Caldas na Selecção Nacional de Voleibol Que idade tens e há quantos anos jogas voleibol? Tenho 15 anos e jogo voleibol há 9 anos. Qual a posição em que jogas e o que é que uma jogadora da tua posição tem que fazer? Jogo em várias posições, atacante de zona […]
Margarida Reis

Uma atleta do Sporting das Caldas na Selecção Nacional de Voleibol Que idade tens e há quantos anos jogas voleibol? Tenho 15 anos e jogo voleibol há 9 anos. Qual a posição em que jogas e o que é que uma jogadora da tua posição tem que fazer? Jogo em várias posições, atacante de zona quatro, atacante de saídas e distribuidora mas aquela que gosto mais de jogar é atacante de saída. Na minha posição o objectivo central é realizar a última acção da equipa, atacar, e “blocar”. É nesta posição que te sentes bem ou gostarias de jogar noutro lugar? Sinto-me bem na posição de oposto mas estou disponível para jogar em qualquer posição em favor da equipa. Como é que tudo começou? Como o meu pai é treinador de Voleibol desde cedo começou a existir uma ligação com este desporto pois enquanto ele treinava os seniores masculinos eu ficava a ver os treinos. Depois chegou a idade em que também eu pude começar a treinar e a fazer parte de uma equipa e desde então que têm aparecido diferentes desafios que me motivam para continuar a pratica deste desporto. Estás no voleibol pelo prazer do jogo ou por influência do teu pai (Júlio Reis, treinador dos seniores do SCC)? Claro, que iniciei a prática do desporto por influência do meu pai, mas o gosto que ele tem por este desporto já passou para mim assim como para o meu irmão. Actualmente jogo voleibol por prazer próprio e adoro aquilo que faço. No meu percurso desportivo fui muito motivada pelos treinadores que tive, fundamentalmente pelo professor Luís Godinho que me incutiu um espírito mais aguerrido, pelo professor João Santos que sempre foi a minha referência como jogador e meu treinador de voleibol de praia e pelo meu pai que tem sido o maior apoio e incentivador. O SCC proporcionou-te chegar à selecção. Achas que continuando aqui podes continuar a evoluir? Claro que sim. O SCC foi o clube que me ensinou tudo o que sei de Voleibol que ainda é muito pouco. O Sporting Clube das Caldas é o clube do meu coração e espero poder retribuir tudo o que ele me tem proporcionado. Ainda tenho muito que aprender e algumas das pessoas que me rodeiam têm uma experiencia e uma sabedoria de voleibol muito acima da minha o que permite que continue a evoluir não só como jogadora mas como atleta e como pessoa. Como é estar na selecção com as melhores jogadoras do teu escalão? Estar na selecção é um sonho realizado pois é o objectivo de qualquer atleta poder representar o seu país. Ao estar entre as 14 melhores atletas nacionais do meu escalão é um orgulho mas tenho-me dedicado e treinado para atingir este objectivo porém tive a sorte de pertencer a um bom grupo de atletas e amigas que permitiram boas condições para a minha evolução. Qual foi a melhor experiência (algo que tenhas feito e que recordes) que já tiveste na Selecção? Algo que me emocionou e me marcou na selecção nacional foi cantar o hino com a camisola da selecção integrando a equipa representante do nosso país – PORTUGAL. A quem achas que deves a tua evolução que te permitiu chegar a este patamar? Ao clube que me tem dado boas condições de trabalho e incentivado no meu percurso, treinadores que me tem ensinado e feito de mim uma referencia e a família que tem sido o meu apoio constante. Como te consegues organizar para que os estudos continuem com bom aproveitamento? A direcção do colégio Rainha D. Leonor e os meus professores têm-me dado muito apoio neste sentido. Devido às ausências para estágios e competições tenho tido aulas suplementares que me permitem acompanhar a parte académica. Tenho de aproveitar todos os momentos para estudar devido à sobrecarga horária de treinos pois tenho treinos todos os dias, sendo um deles no Porto semanalmente. O meu Director de Turma, professor Daniel Ferreira tem dado um apoio extraordinário. Embora esteja a realizar este sonho, ser estudante é prioritário. Qual gostarias que fosse o teu próximo passo no voleibol? Ganhar os jogos pelo S C das Caldas e continuar integrada neste processo de selecção. Onde esperas chegar como jogadora? Vou continuar a treinar para ser cada dia melhor e gostaria de participar um dia nos Jogos olímpicos. Mas ainda é muito cedo para isso, mas vou treinar cada dia mais. O que achas que podes dizer sobre o voleibol que possa ajudar a que outras raparigas se sintam com vontade de vir experimentar? Hoje em dia algumas das minhas grandes amigas são colegas de equipa. Voleibol é um desporto de equipa e como tal exige cooperação e uma ligação bastante forte entre os vários elementos da equipa. No SCC vive-se um ambiente familiar onde para além de treinar existe espaço para a diversão e para a convivência entre amigos.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

V Jornadas SIPO Júnior

Entre os dias 12 a 15 de abril decorre a 5ª edição das Jornadas da Semana Internacional de Piano de Óbidos (SIPO) Júnior, no Auditório Municipal de Óbidos, com master classes de piano, seminário de improvisação, concertos comentados e uma audição final dos...

sipo

Mostra de Renda de Bilros na Eira do Paço Real

A Junta de Freguesia de Serra d'El-Rei assinou no passado domingo um acordo para que a realização da Mostra Internacional de Renda de Bilros da Serra d'El-Rei, que deverá decorrer entre 27 e 29 de maio seja realizada na Eira do Paço Real da freguesia, inspirada na...

mostra

“Mercadinho de Trocas” no Mercado Municipal

O Mercado Municipal do Bombarral viveu no passado sábado mais uma manhã de brincadeira e partilha com a realização do “Mercadinho de Trocas”, iniciativa em que as crianças têm oportunidade de trocar entre si jogos, livros e brinquedos que já não usam. A atividade,...

mercado