Q

Previsão do tempo

16° C
  • Monday 24° C
  • Tuesday 32° C
  • Wednesday 27° C
16° C
  • Monday 25° C
  • Tuesday 34° C
  • Wednesday 29° C
16° C
  • Monday 28° C
  • Tuesday 38° C
  • Wednesday 33° C

Dead Combo surpreenderam no CCC

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O CCC das Caldas da Rainha voltou a apresentar, na noite de 2 de Maio, o melhor do que se faz em Portugal na música alternativa, com os Dead Combo. Depois de projectos como Legendary Tigerman, Zoetrope ou Rita Red Shoes, o concerto dos lisboetas Dead Combo foi mais uma proposta para a juventude que […]
Dead Combo surpreenderam no CCC

O CCC das Caldas da Rainha voltou a apresentar, na noite de 2 de Maio, o melhor do que se faz em Portugal na música alternativa, com os Dead Combo. Depois de projectos como Legendary Tigerman, Zoetrope ou Rita Red Shoes, o concerto dos lisboetas Dead Combo foi mais uma proposta para a juventude que tem vindo a descobrir este espaço cultural. Os próprios artistas, que actuaram numa noite inspirada, salientaram o facto da necessidade de uma sala de espectáculos apresentar propostas diferentes. “Faz mais sentido apresentar coisas ditas alternativas, porque só assim se educam as pessoas para a Cultura. É mostrar coisas diferentes e não aquilo que todos já conhecem”, considera Pedro Gonçalves, um dos elementos do grupo. Na sua opinião, torna-se muito importante que as salas de espectáculos criem o hábito de garantir que aquilo que é apresentado tem qualidade, mesmo não sendo muito conhecido. “Passam a saber que quando vão a um determinado local, sabem que vão assistir a algo com qualidade, mesmo que não conheçam”. A banda constituída por Tó Trips (guitarra) e Pedro Gonçalves (contrabaixo, kazoo, melódica e guitarras) é muito difícil de definir. Basta dizer que as suas músicas têm sonoridades que foram buscar aos westerns americanos e ao fado. Ou então, dizer que inventaram o tango-billy. Ao vivo o som dos Dead Combo torna-se mais visceral e eléctrico, transformando a música em paisagens sonoras. Tudo em palco serve para formar sons e é possível até ouvir-se o som de uma briga entre marinheiros e músicos de jazz no Cais do Sodré, através da guitarra de Tó Trips. Há também muita improvisação durante o concerto, aproveitando sons que não esperados. “Temos uma certa liberdade para testar coisas, apesar de termos os temas que tocamos”, referiu Tó Trips. Os dois músicos gostaram muito do público local e admitiram terem ficado surpreendidos em encontrarem um auditório completamente cheio. “Gostámos mesmo muito”, disseram, embora tenham uma atitude em palco muito intimista e aparentem estar a tocar para si próprios. Recentemente a sonoridade dos Dead Combo passou a ser mais conhecida do grande público, porque é deles a música do anúncio de sensibilização para a utilização do preservativo. Intitula-se “Assobio (Canção do Avô)” e a banda cedeu-a gratuitamente.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Distribuição de kits de primeiros socorros reforça segurança

O município de Óbidos concretizou a aquisição de 50 kits de primeiros socorros como parte de uma estratégia para melhorar a segurança de utentes e profissionais em espaços municipais. Os equipamentos serão distribuídos por escolas, jardins de infância, atividades de tempos livres (ATL) e outros serviços, visando aumentar a capacidade de resposta a emergências.

kits

“Semana Sénior” com passeios

O Serviço de Ação Social do Município do Cadaval voltou a promover a “Semana Sénior”, que decorreu de 1 a 5 de julho e contou com mais de 250 participantes. Castelo de Vide, Coruche, Lisboa, Nisa e Porto de Mós foram as localidades visitadas nesta edição.

semana

Viola amarantina chega ao CCC

O músico e compositor natural de Vila Real, Rui Fernandes, continua a sua digressão pelo país a apresentar a sua mestria na viola amarantina, instrumento tradicional de cinco ordens de cordas duplas, originário da região de Amarante. No dia 26 de julho, às 21h30, atua em quarteto, no Centro Cultural e de Congressos das Caldas da Rainha.

viola