Q

Previsão do tempo

13° C
  • Monday 11° C
  • Tuesday 12° C
  • Wednesday 12° C
13° C
  • Monday 10° C
  • Tuesday 12° C
  • Wednesday 12° C
13° C
  • Monday 10° C
  • Tuesday 12° C
  • Wednesday 12° C

Quer constituir uma PME?

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Em Portugal, bem como na maioria dos Países Europeus, as micro, pequenas e médias empresas (“PME”) assumem um papel central nos respectivos tecidos empresariais. De acordo com um estudo do IAPMEI – Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas, em 2004, 99,6% das sociedades Portuguesas eram PME, representando 3/4 do emprego privado. Daquelas, 97,3% […]

Em Portugal, bem como na maioria dos Países Europeus, as micro, pequenas e médias empresas (“PME”) assumem um papel central nos respectivos tecidos empresariais. De acordo com um estudo do IAPMEI – Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas, em 2004, 99,6% das sociedades Portuguesas eram PME, representando 3/4 do emprego privado. Daquelas, 97,3% eram micro e pequenas empresas, responsáveis por mais de 1/3 do volume de negócios anual. Nestes termos, uma vez que o Governo entende que o crescimento sustentado das PME e o reforço da sua capacidade de resposta às rápidas mutações tecnológicas e de mercado, constituem factores determinantes do processo de modernização, diversificação, alteração do perfil de especialização e de internacionalização da estrutura empresarial portuguesa e europeia, o Orçamento de Estado para 2008 (“OE”) procurou promover este tipo de entidades. Numa tentativa de o fazer, o OE aprovou um novo benefício fiscal que permite a remuneração convencional do capital social aquando da constituição de uma nova sociedade, ou de um aumento de capital. O referido benefício resulta numa dedução ao lucro tributável, de uma importância correspondente à aplicação de uma taxa de 3% ao montante das entradas realizadas pelos sócios através de entregas em dinheiro, desde que: (i) a sociedade beneficiária seja qualificada como PME; (ii) os sócios que participem na constituição da sociedade ou no aumento do capital social sejam exclusivamente pessoas singulares, sociedades de capital de risco ou investidores de capital de risco; e (iii) o lucro tributável não seja determinado por métodos indirectos. Contudo, este benefício fiscal poderá vir a ter reduzida aplicação prática, uma vez que se constata que a maioria das sociedades portuguesas se constitui com um capital social muito próximo do mínimo legal (€5.000,00), pelo que o montante de remuneração dificilmente será encarado com um verdadeiro incentivo. Por outro lado – e sem procurar ser exaustivo – as sociedades com um volume total anual de proveitos não superior a €149.639,37, e que estejam sujeitas ao regime simplificado de tributação, para quem este benefício fiscal poderia efectivamente fazer sentido, estão excluídas do seu âmbito de aplicação, uma vez que neste caso o lucro tributável é determinado com recurso a métodos indirectos. Assim, parece-nos que a estratégia de modernização e internacionalização do tecido empresarial português poderá não ser a mais adequada aos fins pretendidos. Leonardo Marques dos Santos Abreu Advogados

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Procissão das chouriças

Decorreram entre 20 e 22 de janeiro, em Valado dos Frades, na Nazaré, as Festas em Honra de São Sebastião, tendo o ponto alto sido a procissão, em que participaram dezenas de grupos com os seus andores de oferendas e devoção religiosa, e o famoso leilão das...

chouricas

Óbidos no Congresso Nacional de Desporto

No passado dia 23 de janeiro realizou-se em Barcelos o Congresso Nacional de Municípios Amigos do Desporto, com a participação de 167 autarquias, entre as quais a de Óbidos, tendo sido partilhadas algumas práticas de programas desenvolvidos em diferentes...

congresso

7.ª Entrega de “Kits Recém-Nascido”

Decorreu no passado dia 16, no Auditório dos Paços do Concelho do Cadaval, a sétima entrega de Kits Recém-Nascido, no âmbito do projeto "Oeste +Grávida". A cerimônia contou com a presença do presidente da Câmara Municipal, José Bernardo Nunes, e de Carla Serrenho...

kit